X
X

Diário da Região

08/10/2015 - 17h41min

Zurique

Uefa confirma que Platini não exercerá funções como presidente durante suspensão

Zurique

Pouco depois de Michel Platini se manifestar para comentar a suspensão de 90 dias que levou do Comitê de Ética da Fifa, dizendo que fará tudo para provar sua suposta inocência contra acusações de corrupção que pesam contra ele, a Uefa, presidida pelo francês, soltou um segundo comunicado nesta quinta-feira para informar que o dirigente não exercerá a sua função no período de cumprimento da pena aplicada pela entidade máxima do futebol mundial. "Michel Platini está suspenso e, por isso, não exercerá suas funções oficiais pelo tempo proposto. Ele não já não esteve presente em uma reunião da Uefa e também cancelou uma série de viagens que faria", informou o comunicado, que depois enfatizou que a entidade europeia está "plenamente consciente das suas responsabilidades nos termos pertinentes dos estatutos". Platini é investigado por ter recebido 2 milhões de francos suíços da Fifa em 2011. Ele foi interrogado pela Justiça da Suíça e se defendeu afirmando que o valor lhe foi pago por serviços prestados à entidade. Mas ele defende a sua inocência e garante que não existem provas que incriminem o presidente da Uefa. Após o anúncio da suspensão, a Uefa informou que o seu Comitê Executivo "não viu necessidade, neste fase, de invocar o artigo 29(5) dos Estatutos da Uefa, nos termos dos quais o vice-presidente da Uefa com maior estatuto pode assumir os poderes e deveres do presidente na sua ausência". A entidade ainda informou que convocou uma reunião de emergência para o próximo dia 15, quando membros das 54 federações filiadas à entidade também irão se reunir na sede do organismo que controla o futebol europeu, em Nyon, na Suíça. Para justificar a decisão de não substituir Platini, a entidade explicou que o seu Comitê Executivo "está ciente de que o presidente da Uefa tomará imediatamente as medidas necessárias para recorrer da decisão do Comitê de Ética da FIFA de forma a limpar seu nome". "Além disso, o Comitê Executivo da Uefa afirmou que é fundamental que seja tomada rapidamente uma decisão final relativa a esta questão pelos órgãos competentes, no interesse da justiça e do futebol. Finalmente, o Comitê Executivo da Uefa manifestou plena confiança no presidente da Uefa, Michel Platini, e o apoia totalmente", finaliza o comunicado.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso