Diário da Região

29/01/2011 - 23h17min

San-são em Barueri

Santos e São Paulo fazem o 1º clássico do Paulistão

San-são em Barueri

Ricardo Saibun / Santos FC Líder dentro e fora de campo, Elano se identifica com torcida santista
Líder dentro e fora de campo, Elano se identifica com torcida santista

O Campeonato Paulista começa a esquentar com o primeiro grande clássico estadual da temporada. O jogo, no pouco tradicional palco da Arena Barueri, opõe times com resultados totalmente diferentes em confrontos contra os maiores rivais no ano passado. Tudo o que o São Paulo pretende, hoje, a partir das 17 horas, em Barueri, é inverter a gangorra que pôs o Santos sob os holofotes em 2010.


Os santistas começaram a temporada passada brilhando. Venceram o Campeonato Paulista e só perderam um clássico - diante do Palmeiras por 4 a 3 - no primeiro semestre. Pretendem repetir o sucesso, ainda mais agora que têm Elano, para aumentar a já elevada confiança para a Copa Libertadores. O São Paulo quer apagar o ano de 2010 da memória. F


oi o time paulista que mais perdeu clássicos - oito, sendo metade deles para o Santos - e não conquistou nenhum título. Sonha recuperar a hegemonia perdida sobre os rivais diretos. “Quero que meu time vença sempre”, afirmou o técnico tricolor Paulo César Carpegiani. “Vamos abordar o jogo com o respeito de sempre, como se fosse qualquer outro adversário, mas sabemos que é muito importante para a torcida e para a confiança dos jogadores”.


Será o primeiro clássico de Adílson Batista no comando do Santos. O treinador não gostou muito das críticas à defesa nos últimos jogos e não pensa em mudar o esquema. “Tivemos chances contra o São Caetano para fazer o quarto, quinto e o sexto gols e, se tivéssemos aproveitado, ninguém estaria dando ênfase aos cinco gols que sofremos nos dois últimos jogos”, declarou. “De antemão, afirmo que confio nos dois zagueiros (Edu Dracena e Durval)”.


Agora as duas equipes estão entre as líderes do Estadual. O Santos, mesmo sem Neymar (na Seleção Brasileira Sub-20) e Paulo Henrique Ganso (recuperando-se de lesão no joelho), já se candidata a ser sensação de mais uma temporada - tem 10 pontos e, novamente, ataque efetivo, com 14 gols marcados em apenas quatro jogos. O São Paulo ainda procura encontrar a formação ideal, não conta com cinco jovens que estão no Peru atrás de uma vaga na próxima Olimpíada nem com o recém-chegado reforço de Rivaldo, mas já chegou a 9 pontos, com três vitórias em quatro partidas.


Adílson Batista faz mistério em relação à escalação. No São Paulo, o técnico Paulo César Carpegiani também adotou o mistério no último treino. O treinador fechou à imprensa a atividade de ontem de manhã, no CCT da Barra Funda. Segundo o site do clube, Carpegiani comandou um treino tático e não contou, mais uma vez, com o zagueiro Alex Silva, que sente dores no joelho direito e continuará o tratamento médico na concentração. Ele deve ter sua participação no clássico decidida apenas na manhã de hoje.


Caso Alex Silva seja vetado, Carpegiani colocará em seu lugar o volante Zé Vitor. Dessa forma, Xandão sairia da lateral direita, que voltaria a ser ocupada por Jean, e faria novamente dupla de zaga com Miranda. O clássico será na Arena Barueri porque o gramado da Vila Belmiro está em reforma. Na preliminar, às 14 horas, uma boa atração: o Santos feminino enfrenta o Juventus, em jogo que terá a presença de Marta.


Elano mostra ser um líder


Elano se emociona ao falar da infância pobre de boia-fria, cortando cana em Iracemápolis (interior de São Paulo), para ajudar a família. Muito diferente dos dias de hoje, como principal jogador do time que em breve voltará a contar com os talentos especiais de Neymar e Paulo Henrique Ganso. Ele voltou com discurso de coadjuvante, mas já é o “cara” desse Santos que hoje enfrenta o São Paulo e que vai sendo construído para entrar forte na Copa Libertadores.


“Voltei com algum sucesso, depois de ter jogado uma Copa do Mundo e participado da conquista de dois brasileiros pelo Santos”, disse Elano, ao ser apresentado. Humilde, prometeu ajudar “em tudo o que for possível”, para que Ganso e Neymar repitam a trajetória vencedora de Robinho e Diego na edição anterior dos Meninos da Vila.


Seria exagero afirmar que Elano foi o plano B do Santos fechar o meio de campo para a Libertadores. Mas, antes de pensar nele, os dirigentes tentaram inúmeras vezes levar Zé Roberto de volta ao clube.


Depois das boas atuações com a camisa da Seleção na Copa da África do Sul, Elano passou a fazer parte das prioridades da diretoria para 2011. E não decepcionou. Líder e exemplo dentro e fora de campo, identificado com o torcedor santista, ele também é forte aliado de Adilson Batista na orientação do time dentro de campo. “Ao contrário dos mais jovens que têm dificuldade para fazer as coisas mais simples, Elano simplifica as jogadas e fica mais bonito”, elogiou o treinador.

Luiz Pires/Vipcomm Dagoberto é o artilheiro tricolor no Paulistão 2011 com três gols

Dagoberto celebra momento

Dagoberto é o tipo de jogador que passa por estremecimentos com a torcida, dirigentes e até companheiros com alguma frequência, mas, quando está tranquilo, dá retorno para o clube. Este é o seu momento no São Paulo. O atacante tem sido o jogador mais importante da equipe no início do Campeonato Paulista. É o artilheiro tricolor com os três gols marcados nos primeiros quatro jogos da temporada.Parte significativa de sua boa fase, Dagoberto atribui ao ótimo momento pessoal: a mulher Thaysa está grávida do segundo filho do casal. “Tracei muitas metas para este ano e estou me sentindo feliz”, afirmou o atacante, que já é pai da pequena Thayná. “Quero jogar futebol com alegria, sem aquela pressão. Quando você está relaxado, as coisas acabam acontecendo naturalmente. O São Paulo está acima de tudo. Quando ganha, todo mundo fica feliz. Quando os gols saem, tudo fica ainda melhor”.Mas não faz muito tempo que Dagoberto viveu o seu momento mais difícil com a camisa do São Paulo. Após a eliminação para o Internacional, nas semifinais da Copa Libertadores, em agosto, o jogador foi afastado da equipe pelo então técnico Sérgio Baresi - a pedido da diretoria, que queria negociá-lo. Ainda foi envolvido em rumores de que havia desafiado a liderança de Rogério Ceni. A torcida protestou, pediu sua volta e, aos poucos, Baresi foi obrigado a colocá-lo na equipe.A chegada de Paulo César Carpegiani, em outubro, selou seu retorno definitivo. O treinador considera Dagoberto um dos jogadores mais técnicos do plantel.
Ficha técnica:
SantosRafael; Bruno Aguiar, Edu Dracena e Durval; Pará, Adriano, Elano, Robson e Léo; Maikon Leite e Keirrison. Técnico: Adilson Batista. São PauloRogério Ceni; Jean, Alex Silva, Miranda e Juan; Zé Vitor, Rodrigo Souto, Carlinhos Paraíba e Dagoberto; Fernandinho e Fernandão. Técnico: Paulo César Carpegiani.Árbitro: Salvio Spinola Fagundes Filho (Fifa). Local: Arena Barueri, em Barueri, hoje, às 17 horas, com transmissão ao vivo da Rede Globo e da TV Bandeirantes.Quer ler o jornal na íntegra? Acesse aqui o Diário da Região Digital

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso