X
X

Diário da Região

16/11/2016 - 00h00min

Partiu para a casa do vizinho

Riopretão ainda exibe ‘cicatrizes’ do evento Festeja e diretoria aluga o CT Bolão

Partiu para a casa do vizinho

Johnny Torres Gramado foi danificado pelo palco do Festeja, alambrados e portões ainda não foram recolocados
Gramado foi danificado pelo palco do Festeja, alambrados e portões ainda não foram recolocados

 Pelo acordo entre clube e o empresário Carlos Roberto Carvalho, o Jacaré irá utilizar as dependências do centro de treinamento a partir desta quarta-feira, 16. O prazo de locação vai até 30 de abril. Hoje será a vez de o elenco sub-20, que vai disputar a Copa São Paulo de Juniores, começar os trabalhos em Mirassol. 

A equipe profissional, segundo o planejamento do técnico Luciano Dias, se apresenta na próxima segunda-feira, também no CT Bolão. O Rio Preto pagará R$ 15 mil por mês durante a locação. O contrato foi formalizado e será assinado ainda hoje. “O Rio Preto irá usufruir de todas as dependências. Temos dez apartamentos, três campos oficiais, dois minicampos, campo de areia, academia e uma ampla área verde para caminhadas”, informou Carlos Roberto Carvalho.

O Riopretão, alugado para o Festeja, realizado no último dia 15 de outubro, ainda exibe cicatrizes, mesmo um mês depois do evento. A empresa Work Show, que ao alugar o estádio se comprometeu deixá-lo em ordem, começou há 15 dias as obras de recuperação do gramado e das estruturas modificadas e danificadas. O Festeja teve um público estimado em 26 mil pessoas e o Riopretão foi alvo de vândalos, que depredaram banheiros. Também foram feitas alterações preestabelecidas em contrato, como a retirada do alambrado e a implantação de um amplo palco no gramado.

 

Muro do Riopretão - 16112016 Pedreiros contratados pela empresa promotora do show estão refazendo o muro que foi derrubado na entrada pela rua Serafim Corrêa de Andrade

“Não houve arrependimento pela locação. Mas não sabia que a estrutura do show seria tão gigante. Por isso o pessoal está chocado. São ossos do ofício, é o mesmo que acontece no Allianz Parque quando o Palmeiras recebe shows, ou até mesmo no Morumbi”, disse o presidente do Rio Preto, Suélio Ribeiro. A reportagem visitou o Riopretão, ontem, um mês depois do show. Ainda é preciso recuperar o gramado, recolocar alambrados, portões e fazer reparos nos banheiros. Ontem, em pleno feriado, pelo menos cinco homens trabalhavam no local.

Para Ribeiro, que assinou o contrato de locação, o andamento das obras não irá interferir nos jogos do Rio Preto na Copa São Paulo e na Série A-2, ambos em janeiro. Segundo o contrato de locação para o Festeja, a empresa Work Show pagou R$ 50 mil, em duas parcelas, ao Rio Preto pela locação do Riopretão, além de ser a única responsável pelos gastos com as obras necessárias, posteriores ao evento.

A reportagem não localizou Wander Divino de Oliveira, responsável pela Work Show, para comentar o assunto. Ontem, Luciano Dias não foi localizado para comentar o fato de não poder treinar no Riopretão. Há dez dias, o treinador havia dito ao Diário ser favorável à preservação do Riopretão e ter um campo alternativo para os treinamentos.

Cartola diz ter 17 jogadores acertados

Além de monitorar a recuperação do gramado e das dependências do estádio Anísio Haddad, a diretoria do Rio Preto trabalha nos bastidores para a montagem do elenco que irá disputar a Série A-2 do Campeonato Paulista. A primeira rodada está marcada para o último fim de semana de janeiro - dias 28 e 29. Segundo o presidente do Jacaré, Suélio Ribeiro, 17 jogadores já assinaram pré-contratos com o clube. “São 12 nomes novos e cinco remanescentes deste ano. Todos deverão se apresentar no próximo dia 21 conforme planejamento da comissão técnica”, informou o dirigente.

Ribeiro só adiantou os nomes dos remanescentes e pratas da casa: o goleiro André, os atacantes Édipo e Rafael Mengoni, além dos meias Danilo e Giovani Pavani. Em meio ao silêncio para evitar a concorrência de mercado, o Diário apurou que a diretoria pretende contar com o atacante Jônatas Obina, que fez uma boa campanha no CSA de Alagoas, e o volante Felipe Manoel, no Bragantino e cobiçado pelo Sertãozinho, concorrente do Rio Preto no A-2. 

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso