X
X

Diário da Região

26/04/2016 - 00h00min

SÉRIE A-3

Rio Preto espera ter o retorno de volante

SÉRIE A-3

Johnny Torres Wanderson se recupera de lesão muscular na coxa esquerda
Wanderson se recupera de lesão muscular na coxa esquerda

À véspera de mais um duelo decisivo, o técnico do Rio Preto, Betão Alcântara, irá avaliar as condições físicas do volante Wanderson no treino desta terça-feira. Ele deve entrar no lugar de Régis Pitbull na partida desta quarta-feira contra o Catanduvense, às 20 horas, no estádio Silvio Salles, em Catanduva, pela penúltima rodada do quadrangular decisivo do Campeonato Paulista da Série A-3.

Wanderson se recupera de uma contusão muscular na coxa esquerda. “Ele fez um treino leve; iremos definir amanhã (terça). É um atleta importante para o grupo e para o nosso esquema, além da dinâmica de jogo, é um líder dentro de campo”, disse Betão Alcântara.

O Jacaré precisará da vitória para continuar com chances de brigar pelo acesso à Série A-2 de 2017. Nos dois confrontos anteriores com o Catanduvense neste ano, ambos no Riopretão, o time esmeraldino leva desvantagem. Perdeu por 1 a 0 na primeira fase e empatou em 3 a 3 na segunda rodada do quadrangular. “Precisamos ser inteligentes e jogar com o coração”, disse Betão Alcântara. No primeiro turno do quadrangular, o Jacaré abriu 3 a 0 e cedeu o empate em 3 a 3. “Estávamos com o jogo na mão”, recorda o treinador.

Além de vencer em Catanduva, os rio-pretenses torcem, pelo menos, por um empate do São Carlos diante do Atibaia, em São Carlos. O time sãocarlense lidera com dez pontos e saldo de quatro gols. O Rio Preto é o segundo colocado, com sete e saldo zero. As duas equipes se enfrentam domingo, às 10 horas, no Riopretão, pela última rodada. Enquanto que Catanduvense, com três pontos, e Atibaia, com um, não têm mais chances e só cumprirão tabela nas duas últimas rodadas.

Diante desse cenário, o técnico do Rio Preto foi questionado se acredita que surja a mala branca na reta final. Mala branca, segundo o dicionário da bola, é uma quantia de dinheiro oferecida como incentivo para um determinado time derrotar um outro rival. “A mala branca é permitida e não vejo nenhum problema se isso vier a acontecer”, disse Betão. “Mas se vai ocorrer, eu não sei. E também não devemos pensar nisso. A mala branca não é nenhuma garantia de que ficaremos numa boa situação para subir de divisão”, acrescentou o treinador.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso