Diário da Região

28/12/2002 - 00h51min

Tênis

Rio-pretense estréia no Aberto de São Paulo

Tênis

Eduardo Penna Thiago Alves treinou durante a semana no Harmonia Tênis Clube
Thiago Alves treinou durante a semana no Harmonia Tênis Clube
O ano de 2002 ainda nem terminou, mas o tenista rio-pretense Thiago Alves, 20 anos, já está entrando na temporada de 2003. A partir de hoje, ele disputa o torneio qualificatório para o Aberto de São Paulo, campeonato da Associação dos Tenistas Profissionais (ATP) e que tem Fernando Meligeni como cabeça-de-chave número 1. A competição foi iniciada na quinta-feira entre os oito melhores tenistas juvenis do País. O vencedor ganha uma vaga na chave principal. Hoje e amanhã acontecem as partidas do qualificatório. O adversário do rio-pretense e o horário do jogo dele seriam definidos ontem à noite por sorteio. A chave principal do Aberto de São Paulo começa na segunda-feira e vai até 5 de janeiro de 2003. O início prematuro da nova temporada combina com filosofia que o tenista adotou para 2003. Alves afirma que quer disputar o maior número de torneios possíveis para somar pontos e subir no ranking da ATP. “Quero participar de 20 a 30 torneios no ano. Se jogar bem em São Paulo, já vou aumentando a minha pontuação”, comenta o atleta.

O objetivo do tenista é terminar 2003 entre os 200 melhores do ranking internacional da ATP. Hoje, o rio-pretense está em 370º lugar, com 90 pontos, e ocupa a 11ª posição do circuito nacional. Para alcançar o seu objetivo, Alves precisa chegar aos 200 pontos. Esta será a terceira vez que o rio-pretense participa do Aberto de São Paulo, torneio disputado em quadra rápida. Há dois anos, o tenista não passou do qualificatório e, no ano passado, caiu na primeira rodada da chave principal. Alves confia num melhor desempenho este ano. “Estou jogando bem”, conclui. Thiago Alves passou o Natal com a família em Rio Preto, mas não deixou os treinamentos de lado. Na quinta-feira, ele embarcou para São Paulo, para começar a nova temporada. Ele ainda não definiu o calendário de 2003. “Todo torneio é importante no tênis”, afirma.

Temporada 2002
Thiago Alves revelou ter disputado poucos torneios em 2002, mas adquiriu muita experiência. Em julho, o atleta se mudou para São Paulo e, desde então, vem treinando no Guarulhos Tênis Clube. Por causa da mudança e do período de adaptação, o rio-pretense disputou apenas cinco torneios da ATP no segundo semestre deste ano. Os resultados mais expressivos dele na temporada foram obtidos em março, no Challenger de Salinas, no Equador, e em julho, no Challenger de Campos de Jordão. Nos dois torneios, o rio-pretense chegou às semifinais. No primeiro semestre de 2002, Alves passou apenas um mês no Brasil. No tempo restante, disputou torneios nos Estados Unidos, Equador, México e na Europa.

Irmãs Saviole seguem caminhos diferentes
As irmãs Ana Paula e Michele Saviole, que este ano conquistaram medalha de ouro no tênis, categoria feminina sub-21, nos Jogos Regionais, se preparam para traçar caminhos diferentes. Enquanto Michele ministra aulas no Rio Preto Automóvel Clube e cursa a faculdade de educação física, Ana Paula já sonha em disputar seu primeiro torneio no exterior. No período em que passa as férias na cidade, Ana Paula faz apenas treinamentos leves ao lado da irmã. Ela revela estar ansiosa para treinar por sua nova equipe, a Lob Feminino, de Mogi das Cruzes, que desenvolve um trabalho de preparação com oito tenistas brasileiras, entre elas a número um do País, Vanessa Menga. Os treinos recomeçam no dia 6 de janeiro. O objetivo da equipe é colocar uma de suas tenistas entre as 100 melhores do mundo, no período de dois anos. Os treinamentos de janeiro duram 15 dias e já servem de preparação para o primeiro torneio que as atletas disputam no ano, em fevereiro.

O pai e técnico de Ana Paula, Luís Carlos Saviole, afirma que a rio-pretense foi escolhida para integrar a equipe do Lob Feminino por causa da potência de seu golpe de direita. Ana Paula acredita que os trabalhos em Mogi, coordenados pelo ex-tenista Carlos Alberto Kimayr, que já foi treinador da argentina Gabriela Sabattini e da espanhola Arantxa Sanches, devem abrir portas para a sua carreira profissional. “Espero participar de m

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso