X
X

Diário da Região

03/05/2016 - 00h00min

MIRASSOL NA FINAL

Partida terá 10 mil ingressos para serem trocados por garrafas pet

MIRASSOL NA FINAL

Johnny Torres Delírio no gramado e nas arquibancadas com os dois gols do ídolo Xuxa (foto); técnico Moisés Egert, jogadores, integrantes da comissão técnica e dirigentes festejaram no campo e nos vestiários; atacante Wágner tentou até gol de bicicleta durante o primeiro tempo da vitória sobre o Batatais
Delírio no gramado e nas arquibancadas com os dois gols do ídolo Xuxa (foto); técnico Moisés Egert, jogadores, integrantes da comissão técnica e dirigentes festejaram no campo e nos vestiários; atacante Wágner tentou até gol de bicicleta durante o primeiro tempo da vitória sobre o Batatais

Diante de quase 10 mil torcedores, o Mirassol garantiu o seu retorno à elite do Campeonato Paulista. Ao derrotar o Batatais por 2 a 0, na manhã de domingo, no estádio José Maria de Campos Maia, o Leão pôde comemorar, além do acesso, a vaga na decisão da Série A-2, contra o Santo André. Por ter feito melhor campanha, o Leão vai brigar pelo título diante de sua torcida em um único jogo. A final vai ser no próximo sábado, às 19 horas, no Maião. A partida terá 10 mil ingressos para serem trocados por garrafas pet, na campanha Futebol Sustentável, promovida pela Federação Paulista de Futebol.

Oito mil são destinados à torcida mirassolense e 2 mil para os torcedores do Santo André. Haverá venda de bilhetes para as cadeiras cativas a R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia). O campeão do A-2 deste ano receberá R$ 260 mil e também garante vaga na Copa do Brasil de 2017. O vice levará R$ 155 mil. A diretoria estuda se irá premiar os atletas pelo título. Pelo acesso, o elenco vai dividir uma bonificação de R$ 600 mil.

Em 23 partidas, o time do técnico Moisés Egert somou 49 pontos. Ganhou todos os jogos na fase de mata-mata. Contra o Batatais, havia vencido por 1 a 0, fora de casa, e poderia até empatar no domingo. Porém, o Leão sobrou em campo. Xuxa abriu o placar aos 18 minutos, com chute da entrada da área, e ampliou, cobrando pênalti, aos 28 minutos da etapa final. Justamente Xuxa. O maior ídolo da torcida e que, em 2014, deixou o gramado chorando. Rebaixado em 2013, o Mirassol só não subiu, com Xuxa em 2014, por ter 10 vitórias contra 11 do Marília. As duas equipes terminaram com 36 pontos cada e o MAC subiu como quarto colocado.

“Muito emocionado. Em 2014 perdemos o acesso por critério de desempate e foi muito dolorido”, recordou Xuxa, quando entrou na sala de imprensa com os olhos lacrimejando. “Todos estão muito felizes. A torcida, a diretoria, Mirassol precisava voltar à primeira divisão.” Em 2015, o Leão também ficou em quinto lugar. Empatado em 35 pontos com o Água Santa, que subiu por ter melhor saldo de gols (14 a 7). Depois de bater na trave duas vezes, neste ano, a diretoria apostou em um elenco mais jovem. Jogadores, como Renatinho e Betinho, desconhecidos e que estão entre os destaques do campeonato.

“Foi uma campanha irretocável. Foi o time que mais pontuou. A união entre comissão técnica e jogadores foi preponderante”, festejou o presidente Edson Antonio Ermenegildo. “Não temos o que reclamar das campanhas anteriores, porque ficamos ficamos bem próximos.” A diretoria pretende renovar contrato com o técnico Moisés Egert, que vai brigar pelo segundo título da Série A-2 em sua carreira - em 2011, ele conquistou a taça no comando do XV de Piracicaba.

“Esse time teve muita entrega e encaixou durante a competição. Assim que o juiz apitou o final passou um vídeo na cabeça. Lembrei de toda a campanha, desde o começo do trabalho em dezembro do ano passado”, disse Egert, que deu folga para todo o elenco nesta segunda-feira. O Leão volta a treinar nesta terça à tarde. Para a final, Egert conta com a volta do zagueiro Ferreira. Mas não sabe se terá o volante Betinho, que sente dores na coxa esquerda, e o atacante Júlio César, com dores no joelho direito.

Mirassol 2 X 0 Batatais

Ficha técnica:

Mirassol

Edson; Cleiton (William Thuram), Leandro Amaro, Reniê e Alexandre; Mateus Silva, Betinho (Leandro Carvalho) e Xuxa; Renatinho, Julio César (Jardson Sapé) e Wagner. Técnico: Moisés Egert.

Batatais

Matheus; Rodrigo, Alexandre Lazarini, Felipe Gregory e Nichollas (Márcio Luiz); Bruno Formigoni (Baiano), Thiago, Rafael Toledo e André Cunha; Adelino (Juninho) e Deivid. Técnico: Thiago Oliveira.

Gols: Xuxa aos 18 minutos do 1º tempo e aos 28 minutos (pênalti) do segundo tempo. Árbitro: José Claudio Rocha Filho. Renda: R$ 62 mil. Público: 9.245 pagantes. Local: estádio José Maria de Campos Maia, em Mirassol, na manhã de domingo, dia 1º.

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso