X
X

Diário da Região

13/08/2016 - 09h18min

Rio 2016

Bárbara defende duas cobranças, e Brasil elimina a Austrália nos pênaltis

Rio 2016

NULL NULL
NULL

Com show de mais de 50 mil torcedores, que fizeram ola, ligaram luz de celular e não pararam de cantar um minuto,  o Brasil venceu hoje 13, no Mineirão, a Austrália por 7 a 6 na cobrança de pênaltis e avançou para as semifinais do torneio de futebol feminino da Olimpíada do Rio de Janeiro, depois de empate em 0 a 0 que perdurou até a prorrogação. Marta perdeu o único pênalti para o Brasil. Katrina Gorry e Alanna Kennedy, cuja família estava no estádio, não conseguiram marcar para o time da Oceania. Barbara defendeu ambos.

O Brasil agora enfrenta a Suécia em partida marcada para terça-feira, 16, às 13h no Maracanã. O time europeu avançou na competição por ter vencido hoje os Estados Unidos, campeão olímpico, nos pênaltis por 4 a 3 depois de empate em 1 a 1 no tempo normal e prorrogação. A Austrália foi o time algoz do Brasil na Copa do Mundo do Canadá no ano passado, eliminando a equipe de Marta nas oitavas de final.
 

Com o resultado, o Brasil já faz em 2016 melhor campanha que a registrada na última Olimpíada, de Londres, em 2012, quando foi eliminado nas quartas de final pelo Japão. O time de Marta participou de todas os torneios de futebol feminino nos jogos. Ficou em quarto lugar em 1996, repetiu a posição em 2000, pegou prata em 2004 e novamente em 2008. Nesses dois últimos jogos, as brasileiras perderam as finais para os Estados Unidos.

A Austrália começou a partida pressionando a saída de bola do Brasil. Mas mudou de postura já aos 4 minutos, depois que Formiga, em escapada, arriscou de fora da área, à direita de Williams,  que fez boa defesa. Aos 15 minutos, Catley tentou cruzar da direita, mas a bola foi direto para o gol e passou raspando a trave esquerda da goleira Barbara. Um minuto depois, Debinha recebeu na meia direita colocou na frente e bateu. Williams salvou as australianas. A partida, que era truncada até os 14 minutos do primeiro tempo, mudou de perfil depois desses dois lances, com as duas equipes atacando. Simon chutou cruzado da esquerda aos 17 minutos, mais uma bola que raspou a trave de Barbara. Marta cobrou falta na área aos 22 minutos. William mandou para fora.

As australianas faziam muitas faltas. Aos 24 minutos, o time da Oceania já havia cometido cinco, contra uma das brasileiras. Formiga, aos 25 minutos, aproveitando corner da esquerda, mandou por cima do gol australiano. Kennedy, cuja família veio ao Brasil acompanhar o desempenho da filha, e estava nessa noite no Mineirão, por pouco não marcou aos 28 minutos, emendando da entrada da área falta cobrada na intermediária. 

O Brasil perdeu boa chance aos 30 minutos, com Thaisa batendo fraco sobra de bola na grande área. Williams defendeu sem dificuldades. A partir dos 35 minutos a Austrália voltou a acuar o Brasil, que se defendia no chutão. Aos 43 minutos, no entanto,

Debinha recebeu dentro da grande área limpou a zaga e bateu, mas por cima do gol australiano. Fim de primeiro tempo. Parte da torcida gritava "Fora Temer", enquanto outra vaiava o coro.

Aos 4 minutos do segundo tempo, Andressa Alves recebeu na esquerda e chutou no canto direito de Williams, que caiu para fazer a defesa, sem rebote. Aos 7 minutos, Andressa Alves recebeu lançamento longo do campo de defesa, avançou e cruzou. A zaga tirou antes de Beatriz completar para as redes. Aos 14 minutos Beatriz dominou na entrada da área e passou para Debinha, que isolou. Andressa Alves chutou de fora da área aos 17 minutos, à direita de Williams, que defendeu. O Brasil, no momento, era melhor na partida. Marta cortou a zaga na direita e bateu para a pequena área, aos 22 minutos, a defesa cortou de novo.

O time da Austrália, demonstrando cansaço, tentava reduzir o ritmo do jogo quando tinha a posse de bola. Aos 27 minutos, Andressa Alves avançou a partir de sobra de bola no meio campo e  chutou na entrada da área. A bola resvalou na zaga e saiu. Um minuto depois, em outro lançamento longo, Andressa avançou novamente pela direita e chutou para fora. Beatriz, aos 37 minutos, tentou cabecear depois de cruzamento da direita, mas a bola foi para fora. Marta arrancou ainda da defesa, chegou à grande área adversária e bateu para fora, aos 38 minutos. As australianas conseguiram uma bola no travessão em chute de fora da área de Chloe aos 40 minutos. Debinha, de dentro da grande área, chutou para fora depois de cruzamento da esquerda, aos 43 minutos. Aos 44 minutos, defesa extraordinária de Williams em cabeçada de Andressa. Já nos acréscimos, Kennedy quase marca contra depois de cruzamento da esquerda. A partida foi para a prorrogação.

Com um minuto de tempo extra, Katrina Gorry bateu da direita à esquerda da goleira brasileira, acertando a rede pelo lado de fora. Aos cinco minutos, Beatriz desperdiçou ótima oportunidade, chutando fraco de dentro da grande área depois de passe de Debinha. A bola tocou na defesa e saiu. O  time brasileiro parecia menos cansado que o da Austrália. Segundo tempo da prorrogação e Debinha consegue fôlego para arrancar pela direita e cruzar. A bola vai para fora da área e Chloe faz falta. Andressa Alves bate para  fora, aos três minutos. A seis minutos do fim, Caitlin chutou para fora, à esquerda da goleira brasileira. Em um milagre, Williams defendeu chute de Marta aos 13 minutos da prorrogação, depois de corte da jogadora brasileira na zagueira australiana. Fim da segunda etapa da prorrogação.

Na cobrança de pênaltis, Andressa Alves, Andressa, Beatriz, Rafaelle marcaram na sequência para o Brasil. Kellond-Knight, Alleway, Egmond e Polkingorne fizeram para a Austrália. Marta e Gorry perderam para suas  equipes. Debinha, Mônica e Tamires fizeram para o Brasil. Heyman e Logarzo marcaram para a Austrália e, no final, Bárbara defendeu cobrança de Alanna Kennedy.
 Com 52.255 ingressos vendidos faltando ainda cinco horas para a paratida, o público para a partida entre Brasil e Austrália será o maior no torneio de futebol feminino da Olimpíada 2016 até aqui. O melhor número anterior foi registrado no sábado, 6, no empate entre Austrália e Alemanha no Itaquerão, em São Paulo, com 37.475 pessoas. Na partida do Brasil contra a China, na quarta-feira, 3, o público total foi de 27.618 pessoas.

FICHA TÉCNICA
BRASIL 0 x 0 AUSTRÁLIA (7 a 6 nos pênaltis)
BRASIL - Bárbara; Fabiana (Poliana), Rafaelle, Mônica e Tamires; Thaisa (Andressinha), Formiga e Marta; Andressa Alves, Debinha e Bia. Técnico: Osvaldo Alvarez (Vadão).

AUSTRÁLIA - Lydia Williams; Catley (Logarzo), Alleway, Kennedy e Foord; Kellond-Knight, Gorry, Van Egmond, Kerr (Crummer) e De Vanna (Polkinghorne); Simon (Heyman). Técnico: Stajcic.
GOLS (PÊNALTIS) - Andressa, Andressinha, Bia, Rafaelle, Debinha, Mônica e Tamires converteram para o Brasil e Marta perdeu; Knight, Alleway, Van Ermod, Polkinghone, Heyman e Logarzo marcaram para a Austrália e Gorry e Kennedy perderam.

CARTÕES AMARELOS - Marta e Alessandra Alves (Brasil); Alleway, Tamires, Foord e Kennedy (Austrália).
ÁRBITRA - Carol Anne Chenard (Fifa/Canadá).
RENDA - Não disponível.
PÚBLICO - 52 mil pagantes.
LOCAL - Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (MG).

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso