X
X

Diário da Região

06/11/2015 - 00h00min

MIRASSOL NO PAULISTÃO

Federação adia para dia 11 decisão do caso o Água Santa

MIRASSOL NO PAULISTÃO

FPF/Divulgação Arbitral de ontem reuniu cartolas dos 20 clubes da Série A-1
Arbitral de ontem reuniu cartolas dos 20 clubes da Série A-1

A decisão do acesso ou não do Mirassol para o Paulistão 2016, que seria nesta nesta sexta-feira, ficou para próxima quarta-feira, dia 11. A Federação Paulista de Futebol recebeu documentos do Água Santa, de Diadema, como garantias de que terminaria as obras de ampliação no estádio Distrital do Inamar até o início do estadual, marcado para 31 de janeiro, mas adiou sua decisão. "A respeito da situação do EC Água Santa e sua participação no Paulistão Itaipava 2016 – Série  A1, a FPF está analisando a documentação enviada pelo clube e terá uma resposta na quarta-feira, 11 de novembro", disse a Federação por meio da assessoria de imprensa ao Diário da Região

No sorteio dos grupos e definição do regulamento no Conselho Técnico, realizado nesta quinta, a última vaga do Grupo D ficou em aberto. Na noite de quinta-feira, um laudo do engenheiro Tiago de Souza Luz, assegura que o Distrital do Inamar terá capacidade para 10.179 pessoas. "Acreditamos na diretoria da Federação Paulista e no regulamento que ela elaborou e que é bem claro. Resta apenas aguardar", disse o presidente do Mirassol, Edson Antônio Ermenegildo. 

“A situação é muito delicada pelo que escutamos aqui. Será difícil ter um plano, uma saída, uma vez que, pelas fotos, o estádio ainda está um canteiro de obras”, disse o executivo de futebol do Novorizontino, Marcelo Barbarotti, que acompanhou o arbitral pelo clube de Novo Horizonte.

Aliás, o caçula Novorizontino caiu no Grupo B junto de Palmeiras, Ponte Preta, Ituano e São Bernardo. “Tem os dois lados da moeda. Ao mesmo tempo que não enfrentaremos time fortes e tradicionais como Palmeiras, Ponte e Ituano, campeão do ano passado, vamos brigar pela classificação diretamente com eles”, disse Barbarotti, comentando as mudanças de regulamento. Por exemplo, treinadores não poderão comandar dois times na competição (em caso de demissão de uma equipe) e também o rebaixamento dos seis piores da primeira fase. “Mas de uma maneira geral gostamos muito. Em um clube organizado e com planejamento nada pode atrapalhar. Nossa meta é brigar por uma vaga na Série D, não para não cair”, disse Barbarotti.

O estádio do Diadema, que em quatro anos deixou a várzea para chegar à elite, tinha capacidade para 6 mil pessoas. Começou a ser reformado em maio com a construção de novo lance de arquibancadas cobertas, camarotes e cabines de imprensa, além de novo vestiário subterrâneo embaixo da arquibancada já existente. A capacidade mínima para homologar o acesso à elite é de 10 mil torcedores.

Se o Água Santa não conseguir, o Mirassol, quinto colocado do Paulista A-2 deste ano, será o último integrante do Grupo D, que já tem Corinthians, Red Bull de Campinas, Mogi Mirim e Rio Claro. A direção do Mirassol preferiu não se manifestar até que seja comunicado oficialmente pela federação. O presidente do Novorizontino, Genilson da Rocha Santos, não atendeu as ligações do Diário para comentar sobre o arbitral.

 

Arte - Tabela do Paulistão 2016 - 112015

Começa no dia 31 de janeiro

Mesmo a contragosto, os clubes considerados pequenos tiveram de engolir a mudança no regulamento que determinará o rebaixamento de seis equipes no próximo Paulistão. Para completar, os clubes não poderão contratar um treinador que já tenha trabalhado em outro time durante o torneio e só poderão inscrever 28 atletas. As regras foram definidas nesta quinta, numa longa reunião - de quase quatro horas - na sede da Federação Paulista de Futebol (FPF).

O campeonato começará em 31 de janeiro e terminará em 8 de maio. A queda de seis times, com dois subindo da A-2, foi determinada para que o Paulistão tenha 16 equipes a partir de 2017. Isso atenderá ao interesse da televisão, fato admitido pelo presidente da FPF, Reinaldo Carneiro Bastos. Ele garantiu que o principal motivo para a redução foi diminuir o número de partidas sem interesse. “E também poder fazer as quartas de final e semifinais em ida e volta (em 2016 serão em jogo único). Não haverá redução de datas.

FPF vai compensar dois dos rebaixados

Como houve chiadeira com a queda de seis times, a solução da FPF foi dar uma compensação financeira aos dois clubes que vão ser rebaixados a mais em comparação com a regra que vigorou até este ano. O valor ainda não foi definido. A proibição das equipes trocarem treinadores em si durante o campeonato - quem dirigir um time não poderá assumir outro - depende de parecer do departamento jurídico da FPF, por mexer com relações trabalhistas. A ideia foi do presidente do Palmeiras, Paulo Nobre. “Sugeri a limitação para você não se acertar com alguém que esteja empregado”, disse. Os valores das cotas da TV que serão repassadas aos clubes não foram divulgados. 

 

 

 

>> Acesse aqui o Diário da Região Digital

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso