X
X

Diário da Região

05/05/2017 - 00h00min

MARIA LENK

Fábio Santi fica em 8º nos 50m costas

MARIA LENK

Satiro Sodré/SSPress/CBDA O rio-pretense Fábio Santi cravou o tempo de 25s93 e hoje disputa os 200m costas
O rio-pretense Fábio Santi cravou o tempo de 25s93 e hoje disputa os 200m costas

O nadador rio-pretense Fábio Arikawa Santi, do Clube Pinheiros de São Paulo, foi apenas o oitavo colocado na final dos 50 metros costas do Troféu Maria Lenk, com a marca de 25s93. O campeão da prova foi Guilherme Guido, que percorreu a distância em 24s72. Esta foi a segunda prova dele na competição, que vai até domingo, no Parque Aquático Maria Lenk, no Rio de Janeiro.

Antes, Santi foi quinto colocado nos 100m costas e nesta sexta-feira ele cai na piscina novamente para lutar por medalhas nos 200m costas. No sábado será a vez de Andressa Simião Sango, do Rio Preto Automóvel Clube/Smel/VSwim, encerrar sua participação no Maria Lenk na prova que ela possui as melhores marcas de sua carreira, os 200m nado peito. Nos 100m peito, Andressa foi apenas 14ª colocada.

Cielo

Maior nadador da história do País, Cesar Cielo voltou às piscinas nesta quinta-feira e ficou em terceiro lugar nos 100 metros livre, com o tempo de 48,92, sendo superado por Gabriel Santos (48s11) e Marcelo Chierighini (46s76), todos do Pinheiros. Mas o resultado na prova, que não é mais de sua preferência, animou o campeão olímpico para os 50m borboleta e os 50m livre, que ele disputará nesta sexta e no sábado.

Sem disputar uma competição de alto nível desde o Maria Lenk do ano passado, Cielo disse que a prova desta quinta serviu mais para ele matar a saudade das piscinas. “Eu estava sentindo falta. Não nos 100 livre, mas eu sinto falta dessa adrenalina pré-prova, daquela tensão que a gente sente, do desafio. É bom estar de volta”, declarou.

“Os 100m é uma prova que exige um pouquinho mais de repetição, um pouquinho mais de treino. Com 50 eu entro mais relaxado, mais tranquilo. A ideia é baixar o tempo das tomadas que eu tive até agora”, explicou Cesar Cielo que, mesmo que tenha ficado em terceiro lugar, acabou superando atletas importantes e que estiveram nos Jogos do Rio-2016, como Matheus Santana (4º) e Bruno Fratus (5º).

(Com Agência Estado)

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso