X
X

Diário da Região

09/12/2016 - 00h00min

Ciência a favor do esporte

Exame mapeia DNA dos atletas do Rio Preto

Ciência a favor do esporte

Guilherme Baffi Professor Adilson Doretto coletou amostras de DNA dos 25 jogadores
Professor Adilson Doretto coletou amostras de DNA dos 25 jogadores

O Rio Preto terá a ciência como aliada na sua escalada por um lugar na elite do futebol paulista. O Jacaré entrou no programa “Atletas do Futuro”, um trabalho de pesquisa do DNA de atletas para mapear o perfil genético deles, coordenado pelo professor e doutor João Bosco Pesquero, biólogo molecular da Unifesp. “Através desta análise a gente consegue identificar os gens dos tipos de fibra muscular e consigo determinar um treinamento mais específico para tirar o máximo de cada atleta dentro da capacidade genética dele”, disse o novo preparador físico do Jacaré, Ricardo César Alves. 

“E diferenciando o treinamento, diminuímos o risco de lesões, proporcionando economia ao clube com tratamento e recuperação”, acrescentou. Nesta semana, o professor Adilson Roberto Doretto esteve no Riopretão para coletar as amostras de DNA dos 25 jogadores que já se apresentaram ao técnico Luciano Dias. A parceria é pioneira em clubes de futebol profissional no Interior, segundo Doretto. “Na base do Santos e do Audax Osasco já são quase mil atletas mapeados”, afirmou Doretto. “O objetivo é fazer isso desde a infância. O Rio Preto é o primeiro clube do Interior e nós viemos pela amizade que temos com o professor Ricardo”, destacou.

 

Jogadores do Rio Preto - 09122016 Os próprios jogadores colhem o material para o laboratório

As amostras de material celular foram colhidas através da saliva dos jogadores e em 15 dias o clube receberá os dados informativos que servirão de ponto de referência à comissão técnica esmeraldina. “Dá para saber se a fibra é predominante de contração rápida ou lenta, se é de resistência ou de força, ou meio a meio”, disse o pesquisador Ele alerta que além do melhor treino é possível saber a melhor recuperação para cada um. “A gente consegue quantificar em percentual, de 0 a 100, o quanto tem de fibra de força no seu organismo, facilita o trabalho do preparador e do técnico, que saberá se atleta vai conseguir jogar na alta intensidade ou não”, destaca.

Doretto lembra que conheceu o projeto quando foi preparador físico do São José Basquete e levou a pesquisa para o campo. “Na temporada 2011 foram 36 lesões, no ano seguinte, ainda sem o conhecimento da pesquisa, mas com plantel renovado, foram 16, um número ainda alto”, exemplificou. “Em 2013 tivemos zero lesão por esforço errado, apenas por acidentes, torções rompimentos e pancadas. Mas não por contraturas, lesões por esforço, aquela fisgada, reflexo da quantidade de treino que está exacerbada”, emendou. O Rio Preto não precisou investir no trabalho, que segundo o pesquisador, tem um custo entre R$ 400 e R$ 600 por pessoa. 

“Um mapeamento genético completo custa cerca de R$ 20 mil por indivíduo. É igual a um teste de paternidade, mas analisamos quatro gens referentes à força”, disse Doretto. O novo fisicultor do Jacaré também é professor universitário, onde tomou conhecimento do trabalho. “A ideia é aproximar o acadêmico científico ao esporte. Espero agregar essa bagagem para melhorar a credibilidade que o clube tem”, disse Ricardo, que é pós-graduado em fisiologia do exercício e tem mestrado em engenharia biomédica. Seu último clube foi o São José dos Campos, mas ele também já trabalhou na Coreia do Sul, além de dar aulas no curso de fisioterapia na Unip de São José dos Campos.

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso