Diário da Região

16/12/2012 - 07h07min

Chegou a hora

Corinthians e Chelsea fazem a final do Mundial de Clubes

Chegou a hora

Shizuo Kambayashi/AP Jorge Henrique vai entrar no time do Corinthians para fortalecer a marcação e dar mais velocidade ao ataque
Jorge Henrique vai entrar no time do Corinthians para fortalecer a marcação e dar mais velocidade ao ataque

Pouco mais de cinco meses após o inédito e inesquecível título da Libertadores, o Corinthians tem a chance hoje de conquistar o mundo - pela segunda vez na sua história. A partir das 8h30 (de Brasília), no estádio Internacional, em Yokohama, no Japão, o time brasileiro faz a final do Mundial de Clubes da Fifa contra o Chelsea, atual campeão da Liga dos Campeões da Europa e atrás de sua primeira taça fora do Velho Continente. Caso haja empate no tempo normal, haverá prorrogação. Persistindo a igualdade, o campeão será definido nos pênaltis.


Em campo, a equipe da Inglaterra pode ser considerada favorita pela qualidade individual de seu milionário elenco. Com o dinheiro do russo Roman Abramovich, muitos jogadores com fama internacional vestem o uniforme azul do time de Londres - entre eles os brasileiros Oscar, David Luiz e Ramires, que se juntam aos espanhóis Mata e Fernando Torres, ao belga Hazard, ao tcheco Petr Cech e aos ingleses Lampard e Ashley Cole.


No lado brasileiro, a força do conjunto de seus jogadores, considerado vital para a conquista da Libertadores no primeiro semestre, é a arma para neutralizar os ingleses. Fora das quatro linhas, a Fiel promete fazer a sua parte, como já aconteceu na semifinal - a expectativa é que mais de 20 mil corintianos estejam no estádio para empurrar a equipe.


Para chegar à decisão, os clubes tiveram que passar por situações diferentes. Na quarta-feira, o Corinthians sofreu para derrotar o Al Ahly, do Egito, por 1 a 0, gol do centroavante peruano Guerrero. No dia seguinte, o Chelsea não teve problemas para passar pelo Monterrey, do México, por 3 a 1, com gols de Mata, Torres e Darvin (contra). O time mexicano só descontou no final com De Nigris.


Pelas dificuldades que encontrou, o Corinthians pode mudar sua formação para a final. No intuito de dar mais velocidade, o técnico Tite pode sacar o meia Douglas e colocar Jorge Henrique no ataque para jogar ao lado de Emerson e Guerrero. No Chelsea, o treinador espanhol Rafa Benítez deve voltar à equipe que jogou as últimas partidas antes da viagem ao Japão. Contra o Monterrey, David Luiz jogou de volante e Ramires e Lampard foram poupados. Hoje, o primeiro deve voltar a ser zagueiro - deslocando Ivanovic para a lateral direita - e os outros dois retornam ao time titular.

   

Quer ler o jornal na íntegra? >> Acesse aqui o Diário da Região Digital

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso