X
X

Diário da Região

31/07/2016 - 00h00min

RIO 2016

Basquete brasileiro atropela a China em amistoso

RIO 2016

Gaspar Nóbrega/Inovafoto 30/7/2016 Leandrinho durante a partida de ontem em Mogi das Cruzes
Leandrinho durante a partida de ontem em Mogi das Cruzes

A Seleção Brasileira não tomou conhecimento da China e venceu neste sábado por 91 a 52, em Mogi das Cruzes (SP), em duelo válida pelo torneio amistoso Super Desafio Masculino de Basquete. A partida marcou a estreia do novo uniforme, amarelo fluorescente, e teve como principal surpresa o pivô Nenê entre os reservas.

Outra novidade foi a chegada do ala-pivô Cristiano Felício, que desembarcou em São Paulo no início da tarde e acompanhou da arquibancada o segundo tempo da partida. Em quadra, o destaque da partida foi justamente o pivô Augusto Lima, substituto de Nenê, que anotou 16 pontos e pegou cinco rebotes. O ala Alex Garcia também foi bem e marcou 15 pontos. Leandrinho, com 12, foi o terceiro maior pontuador do Brasil. Pelo lado chinês, Zhao Jiwei foi o cestinha com 13 pontos.

A equipe titular começou com Marcelinho Huertas, Marquinhos, Leandrinho, Hettesheimeir e Augusto. Ainda no primeiro quarto, Raulzinho, Benite e Alex entraram. Na preliminar, a Lituânia, atual campeã europeia, derrotou a Austrália por 81 a 68 (41 a 32). Neste domingo, às 12 horas, acontecerá a disputa do terceiro lugar entre Austrália e China. O Brasil entra em quadra às 14h30 para a decisão contra a Lituânia. O time brasileiro está no Grupo B da Olimpíada e estreia dia 7 justamente contra a Lituânia, dia 7 de agosto.

Refugiados orgulhosos

Os milhões de refugiados espalhados pelo mundo não podem se contentar em ser apenas pessoas esperando a hora de voltar para casa. Podem, e devem, ser aquilo que quiserem: atletas, artistas, jornalistas, médicos, advogados. É essa a mensagem que a equipe de refugiados que vai disputar os Jogos acredita passar ao mundo. 

“Quando me contaram que eu ia para a Olimpíada, eu falei: ‘Eu sou refugiado, não pode ser. Nunca vi acontecer. Como um refugiado Olimpíada?’ O COI tirou a tristeza do nosso coração”, disse Popole Misenga, judoca natural da República Democrática do Congo e refugiado no Brasil.

Além dele, outros quatro atletas do time de refugiados do Comitê Olímpico Internacional (COI) participaram da entrevista coletiva no começo da tarde deste sábado. A presença de mais de 100 jornalistas, de diversas nacionalidades, deixou Popole radiante. 

Na última pergunta da entrevista coletiva, um jornalista japonês lembrou Popole de algo que, até então, ele não havia se dado conta. Aquelas dezenas de câmeras estavam levando sua cara para o mundo todo. Talvez até para onde quer que estejam os seus irmãos.

Quando se tocou disso, o judoca casca-grossa, que viveu na rua e passou fome no Rio, chorou. “Tenho dois irmãos que não sei mais a cara deles assim, a gente se separou pequeno. Só o mais velho eu vou reconhecer a cara dele”, afirmou.

Gafe de Temer em inauguração

O presidente em exercício Michel Temer participou, neste sábado, da inauguração da linha 4 do metrô do Rio, que liga Ipanema, na zona sul, a Barra, na zona oeste. Em discurso a cinco dias para a abertura da Olimpíada, disse que “o Brasil precisa de paz, e nada melhor para isso do que o esporte”.

Durante o discurso, o presidente o cometeu uma gafe ao cumprimentar o governador afastado Luiz Fernando Pezão, em rara presença pública, depois de cinco meses de tratamento contra o câncer. “Pezão está até mais bonito, acabou sendo uma coisa útil para o Pezão”, discursou. O governador do Rio foi diagnosticado com linfoma não-Hodgkin, tipo de câncer linfático, em março.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso