X
X

Diário da Região

26/07/2016 - 00h00min

FORÇA-TAREFA

Após reclamação de australianos, Vila Olímpica recebe 630 operários

FORÇA-TAREFA

A Vila Olímpica recebeu a maior delegação para os Jogos do Rio até agora: 630 operários entre encanadores, eletricistas e funcionários de limpeza foram contratados às pressas para recuperar os apartamentos que apresentaram avarias e que culminou com a negativa da equipe da Austrália de ocupar os 15 andares que lhes foram destinados.

Os funcionários foram divididos em três turnos. Trabalham dia e noite, tal a necessidade da organização de entregar logo, em estado digno, as dependências que serão utilizadas pelos esportistas. Os operários depararam com apartamentos tomados por infiltrações, com fiação exposta e placas de gesso do teto prestes a desabar. “Às vezes olho e acho que não vai dar tempo de terminar”, disse um deles, que há seis meses trabalha em diferentes funções na Vila Olímpica.

Os maiores problemas, segundo os trabalhadores estão no conjunto de edifícios Pedra da Gávea, os últimos da vila e onde está instalada inclusive a delegação brasileira. “O que parece é que foi feito às pressas. Os pisos estão sendo reinstalados porque deu vazamento”, contou um deles.

Os operários trabalharam nesta segunda-feira até mesmo em edifícios que já estão recebendo atletas. Isso contrasta com o que prometera o Comitê Rio-2016, domingo passado, quando emitiu nota informando que faria de tudo para não atrapalhar o sossego dos esportistas que disputarão os Jogos.

Além dos operários, as equipes da limpeza estão se revezando em escalas de 12 horas de trabalho por 36 horas de folga. A orientação é agilizar o serviço nos apartamentos que estão para serem ocupados. A faxina tem que ser completa, conforme relato dos operários sobre as orientações recebidas.

O diretor de Comunicação do Comitê Organizador dos Jogos, Mario Andrada, prometeu entregar na quinta uma Vila Olímpica “impecável”, depois de uma série de problemas. Até a noite desta segunda, 115 delegações já ocupavam a Vila. No total, 1,6 mil pessoas deveriam dormir no local na noite desta segunda, sendo 400 atletas.

Paes

Depois de ter reagido com ironia à reclamação da delegação da Austrália por causa das más condições dos apartamentos da Vila dos Atletas, o prefeito Eduardo Paes (PMDB) disse que “de fato, o prédio da Austrália é o pior” e considerou justas as queixas. “A Austrália é um país maravilhoso, eles são muito bem vindos e têm o direito de reclamar”, disse o prefeito. Domingo, o prefeito ironizou os australianos. Disse que para eles se “sentirem em casa”, estava “quase botando um canguru para pular na frente deles"”

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso