X
X

Diário da Região

15/03/2017 - 00h00min

CORRIDA CONTRA O TEMPO

América corre para formar elenco e para recuperar gramado do Teixeirão

CORRIDA CONTRA O TEMPO

Guilheme Baffi Estado do gramado do Teixeirão preocupa para a estreia do América na Segundona, em abril
Estado do gramado do Teixeirão preocupa para a estreia do América na Segundona, em abril

Faltando exatamente um mês para sua estreia na Segundona Paulista (4ª divisão), o América corre contra o tempo para recuperar o gramado do estádio Teixeirão e para formar seu elenco. A direção do Rubro ainda não apresentou oficialmente os atletas que vieram por meio da parceria com o empresário Espedito Vasconcelos. Além de pratas da casa como o volante Matheus Oliveira, o zagueiro Alisson, alguns dos que estiveram com o técnico Sérgio Caetano na Série A-3 e na Copa Paulista do ano passado, no Catanduvense. 

O último a chegar foi o lateral-esquerdo Giovani, mas o volante Ceará e o atacante Negueba também trabalham com o auxiliar-técnico Renato Ferreira. Silva, Zé Dias e o lateral-direito Sidney são outros nomes que chegaram e fazem parte da espinha dorsal montada por Ferreira, que faz contatos diários com Caetano, mas será responsável pela pré-temporada e comandará o time na estreia contra o Grêmio Prudente, em Presidente Prudente.

Caetano dirige o Paulista de Jundiaí no A-3 e só vem ao termino do torneio. “Encontramos o clube com muito atleta, cheguei a trabalhar com 38 em campo. Estamos com esse esqueleto e agora é dar um padrão e buscar peças pontuais”, disse Ferreira. “Conheço bem o trabalho do Caetano, o sistema que ele joga a gente tem uma iteração muito grande. Ele me deixou bem à vontade para montar a equipe que eu quero.”

Outros jogadores estão sendo observados pelo treinador. “O América é um time grande, camisa forte, o clube tem de lutar para voltar lugar que merece”, disse Ferreira. As condições do gramado do Teixeirão preocupam. O diretor Sivaldo Silva está à frente para recuperação do gramado e acredita que precisará de ao menos 60 dias para fazer um trabalho paliativo. “Passamos um veneno para matar todas as pragas e daqui uns dez dias virão com uma máquina para fazer replantio. Vamos usar a grama bermuda celebration, a mesma usada nas arenas. Em 60 dias vai ficar bonito”, disse Silva.

Nesta terça-feira, apenas uma pessoa trabalhava na limpeza da grama cortada dentro de campo. Segundo Silva, o investimento previsto é de R$ 70 mil a R$ 80 mil e que por hora vem custeando o que está sendo gasto até encontrar parceiros. A estreia do Rubro em casa na Segundona será dia 22 de abril, contra o Osvaldo Cruz. Um jogo de futebol americano do Rio Preto Weilers está previsto para o próximo domingo no Teixeirão.

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso