X
X

Diário da Região

20/04/2015 - 15h22min

Londres

Zona do euro precisa evitar default da Grécia, diz ministro de Luxemburgo

Londres

Os 19 países da zona do euro precisam fazer tudo que podem para evitar que a Grécia deixe de pagar suas dívidas e abandone a união monetária, afirmou o ministro das Finanças de Luxemburgo, Pierre Gramegna. Em entrevista, ele disse que os demais países querem que a Grécia siga no grupo, mas precisam que Atenas realize reformas econômicas, se deseja a liberação de bilhões de euros em ajuda. Gramegna pediu ao premiê grego, Alexis Tsipras, que apresente logo propostas para melhorar as finanças gregas e reformar a economia do país, demonstrando a frustração atual de autoridades da zona do euro. "Enquanto não temos nada sobre a mesa é impossível saber para que direção estamos indo", afirmou o ministro ao Wall Street Journal durante uma viagem a Londres. "É muito importante que eles usem esta oportunidade para apresentar um plano detalhado." A Grécia e seus credores estão em um impasse desde que Tsipras chegou ao poder, em janeiro. O premiê grego quer relaxar os termos do pacote de ajuda de 240 bilhões de euros (US$ 259 bilhões) concedido ao país. A União Europeia e o Fundo Monetário Internacional (FMI) resistem às mudanças. O risco de uma saída da Grécia da zona do euro parece estar aumentando, conforme se arrasta o impasse, enquanto Atenas tem duas grandes dívidas que vencem nas próximas semanas. Gramegna disse que a zona do euro está em melhor condição hoje que no passado para impedir que uma eventual saída da Grécia atrapalhe o restante da economia do grupo, diante dos esforços para fortalecer os bancos e o estabelecimento de fundos comuns de ajuda. "A Europa está mais bem preparada hoje para enfrentar qualquer situação que aparecer", disse ele. O ministro acrescentou, porém, que a saída grega representaria a entrada em um "território desconhecido" para a união monetária. "Juntos, os 19 países devem fazer tudo para evitar um default", afirmou. Luxemburgo assume a presidência rotativa da União Europeia em julho. Fonte: Dow Jones Newswires.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso