X
X

Diário da Região

29/02/2016 - 08h59min

Brasília

Previsão do câmbio para fim de 2016 cai de R$ 4,36 para R$ 4,35, mostra Focus

Brasília

O Relatório de Mercado Focus, divulgado nesta segunda-feira, 29, pelo Banco Central, mostra que os impactos das incertezas internacionais chegam ao País por meio da cotação do câmbio. Houve mudanças nas previsões para a variável em praticamente todas as abordagens feitas pelo BC no documento, ainda que de forma tênue. O documento aponta para um câmbio a R$ 4,35 no lugar da R$ 4,36 vista na semana passada - um mês antes, estava justamente em R$ 4,35. O câmbio médio de 2016 passou de R$ 4,20 para R$ 4,19 de uma semana para outra - um mês antes, estava em R$ 4,20. A perspectiva do mercado financeiro para o câmbio de 2017 permaneceu em R$ 4,40 no boletim Focus pela quinta semana consecutiva. Já o câmbio médio do ano que vem saiu de R$ 4,29 para R$ 4,30 de um levantamento para o outro - estava em R$ 4,29 um mês atrás. O BC tem mantido integralmente a rolagem de leilões de swap cambial, que foram mais expressivos desde de 2013, por meio de ofertas apelidadas de "ração diária". Também rolou os vencimentos dos leilões de linha que venceriam em fevereiro e, na sexta-feira, anunciou que repetiria esse procedimento em março. Selic Em semana de reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), analistas do mercado financeiro revisaram mais uma vez para baixo a projeção para a taxa básica de juros no fim do ano que vem no Relatório de Mercado Focus. A pesquisa mostra que a Selic estará em 12,50% em dezembro de 2017 ante taxa de 12,63% aa, prevista na edição anterior. Há um mês, a taxa projetada era de 12,75% ao ano. Pela quarta semana consecutiva, os economistas mantiveram as estimativas para a Selic em 2016 no boletim. De acordo com o levantamento realizado com aproximadamente 120 instituições, a taxa básica de juros permanecerá nos atuais 14,25% ao ano até o encerramento de 2016. A Selic média de 2016 também permaneceu em 14,25% aa, como já constava também nos quatro boletins anteriores. No caso de 2017, a Selic média ficou paralisada em12,98% ao ano - quatro semanas antes estava em 13,00% aa. Nas estimativas do grupo dos analistas consultados que mais acertam as projeções, o chamado Top 5 da pesquisa Focus (médio prazo), a previsão para a Selic no fim de 2016 manteve-se em 14,00% aa - um mês atrás, estava em 13,25%. Para o encerramento de 2017, esses mesmos analistas mantiveram a expectativa de taxa a 12,25% ao ano ante mediana de 12,50% de um mês antes.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso