X
X

Diário da Região

18/05/2016 - 10h42min

São Paulo

Lenovo vai fechar fábrica em Itu e transferir produção para nova unidade

São Paulo

A Lenovo vai transferir sua produção de computadores da unidade de Itu (SP), para uma nova fábrica, em Indaiatuba (SP). "A Lenovo tem uma capacidade fabril em Itu que poderia ser redimensionada para um espaço menor", explicou o diretor de operações da Lenovo, Ricardo Bloj. "Atualmente, a fábrica tem um espaço de 40% a 50% maior do que o necessário." A empresa também sente os efeitos da retração de 36% no mercado brasileiro de PCs em 2015. De acordo com Bloj, a companhia optou por uma cidade próxima a Itu para evitar demissões entre seus 600 funcionários. A nova fábrica vai entrar em operação a partir de agosto e está localizada a cerca de 50 km do atual endereço da fábrica da Lenovo, na rodovia SP-75. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso