X
X

Diário da Região

22/09/2015 - 20h53min

Brasília

Fitch se reúne com representantes do governo para avaliar economia

Brasília

A equipe da agência de classificação de risco Fitch esteve nesta terça-feira, 22, em Brasília para colher informações sobre o País para avaliar um possível rebaixamento da nota de crédito do Brasil. O Planalto e a equipe econômica tentam evitar que a agência siga o entendimento da Standard and Poor's (S&P), que no início do mês tirou do Brasil o grau de investimento. A esperança é de que não haja um rebaixamento do grau de investimento pela Fitch já que a agência precisaria rebaixar a nota do Brasil duas vezes para retirá-lo do grau BBB, que representa o selo de bom pagador. Além de reuniões no ministério da Fazenda, a equipe da Fitch se reuniu ontem com o ministro Augusto Nardes, relator de processo que avalia as contas do governo Dilma Rousseff em 2014, para colher informações sobre as irregularidades apontadas pela corte nas áreas fiscal e orçamentária. Na reunião, de quase uma hora, Nardes e sua equipe apresentaram detalhes sobre as 15 distorções que podem resultar numa inédita rejeição do balanço apresentado pela União à corte, entre elas as chamadas "pedaladas fiscais". A decisão da agência pode levar em conta o desarranjo nas contas do governo, explícito nos pareceres já divulgados pelo tribunal, e incertezas em relação ao futuro das política econômica e fiscal. Temendo um novo revés vindo das agências, Dilma pediu ao Congresso hoje que apreciasse os vetos a projetos que podem aumentar as despesas do governo em ao menos R$ 127,8 bilhões até 2019. A manutenção dos vetos seria, na avaliação do governo, uma sinalização positiva ao mercado. Participaram do encontro com Nardes os diretores da Fitch Shelly Shetty, Rafael Guedes e Erich Arispe. Eles procuraram saber também como funciona o processo de avaliação das contas e o calendário a ser cumprido até o desfecho, previsto para outubro. Técnicos do TCU devem entregar até a semana que vem parecer conclusivo sobre o balanço de 2014, com a análise da defesa entregue pelo governo. Depois disso, possivelmente na primeira quinzena de outubro, Nardes levará o processo para apreciação do plenário. Cabe a ele apresentar um voto pela aprovação ou a rejeição das contas, que poderá ser seguido ou não pelos colegas. A recomendação do TCU é enviada ao Congresso, ao qual cabe julgar as contas do governo. Já a alta cúpula do Ministério da Fazenda apresentou à equipe da Fitch um quadro econômico e fiscal "realista" e ao mesmo tempo "confiante", segundo uma fonte. O governo sabe que, depois da perda do grau de investimento pela Standard & Poor's (S&P) há duas semanas, a situação especificamente com a Fitch é de pessimismo cauteloso. Segundo apurou o jornal "O Estado de S. Paulo", a mensagem passada a Fitch é de que o pacote fiscal, enviado hoje à tarde pelo governo ao Congresso Nacional, é a agenda mais importante do governo, na área econômica, até o fim do ano. Caso seja bem sucedido, o pacote poderá zerar o rombo orçamentário de 2016 e até produzir um pequeno superávit fiscal. BC A Fitch se reunirá nesta quarta-feira, 23, com a cúpula do Banco Central. Embora negue oficialmente, a autoridade monetária não tem dúvidas de que o Brasil receberá mais um downgrade. A expectativa, conforme apurou o Broadcast, serviço de notícias em tempo real da Agência Estado, é de que a agência desça apenas um patamar e a "torcida" é para que a perspectiva não caia para "negativa", o que poderia indicar que uma nova queda, aí sim perdendo o selo de bom pagador, é iminente. O outlook seria o principal foco de tensão sobre o tema dentro da autarquia.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso