X
X

Diário da Região

13/12/2014 - 01h50min

Os perigos do final do ano

Especialistas sugerem cuidados na hora de escolher os presentes

Os perigos do final do ano

Guilherme Baffi Principal recomendação feita pelo Procon São Paulo é não fazer compras por impulso
Principal recomendação feita pelo Procon São Paulo é não fazer compras por impulso

Lojas lotadas, procura por uma vaga de estacionamento e compras, muitas compras. As semanas que antecedem o Natal são marcadas pelo aumento da demanda no comércio, mas, para não entrar no vermelho, especialistas sugerem alguns cuidados na hora da escolha dos presentes e de quanto se pode gastar nesse período, que ainda inclui despesas com roupas para as festas e com os alimentos das ceias de Natal de Ano Novo.


A principal recomendação do Procon São Paulo é não comprar por impulso, mesmo com o 13º salário na conta. Antes de comprar, faça uma lista dos presentes, das contas de início de ano como IPTU, IPVA, seguro obrigatório, despesas escolares, viagens de férias, além das contas do dia a dia.


De acordo com o educador financeiro Reinaldo Domingos, se a condição financeira da família estiver muito apertada, o ideal é ter uma conversa franca com as crianças, buscando mostrar a importância delas para a família e encontrando algo que ela deseja dentro da realidade financeira no momento. Se a situação financeira não está tão complicada, ainda é tempo de comprar um bom presente; contudo, antes da aquisição, é necessária a realização de pesquisas de preços e uma análise das melhores formas de pagamento.


Para não pagar mais caro, o ideal é comprar com antecedência, pesquisar os preços e evitar compras por impulso. O pagamento à vista é recomendado. Se não tiver como fugir do parcelamento, verificar as taxas de juros e o número de parcelas. "Muitas vezes o consumidor quer agradar um amigo ou parente e acaba comprando um presente que vai gerar endividamento. O ideal é comprar algo que caiba no orçamento do mês", afirma o consultor financeiro João Elias Martins.


Garantias


Outro cuidado importante é exigir nota fiscal e informar-se sobre as condições de troca. A loja não é obrigada a fazer troca por causa de tamanho, cor ou gosto. Mercadorias lacradas como DVDs, CDs, livros e brinquedos devem ter uma amostra fora da embalagem para serem testadas. "As pessoas também podem se presentear, é justo e merecido. E, se for com um produto durável, o parcelamento é adequado, mas é preciso avaliar o orçamento dos meses seguintes para ver se será algo suportável de se pagar", disse Martins. Se o produto apresentar problema, o Código de Defesa do Consumidor determina que a solução deve ocorrer em até 30 dias. Caso contrário, o consumidor pode optar entre a substituição do produto por outro da mesma espécie, restituição do valor pago (monetariamente corrigido) ou abatimento proporcional do preço.


Internet


No caso de compras pela internet, a atenção deve ser redobrada. Desconfiar de ofertas que ofereçam muitas vantagens e preços muito baixos. Antes de começar, é recomendável atualizar ou instalar softwares de segurança no computador, e consultar a liste de sites não recomendados pelo Procon-SP. O consumidor deve salvar todos os arquivos e documentos que comprovem a compra e o pagamento.

Aícro Júnior / Editoria de Arte  

>> Leia aqui o Diário da Região Digital

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso