X
X

Diário da Região

01/12/2016 - 12h58min

Rio

EPE defende colocação de hidrelétricas em mapa de planejamento 'sem mimimi'

Rio

O presidente da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), Luiz Augusto Barroso, defendeu a retomada da construção de usinas hidrelétricas como um meio de aumentar a produção de energia com baixa emissão de carbono. Nos últimos anos, o governo passou a evitar a construção de hidrelétricas, principalmente com grandes reservatórios, por conta dos impactos sociais e ambientais desse tipo de projeto, sobretudo, na região Norte do País. Mas, à frente da EPE há quatro meses, Barroso indicou a intenção de rever a estratégia para o setor. "O Brasil vai migrar para uma economia de baixo carbono, que vai demandar um respaldo da geração (de energia) flexível. Essa matriz flexível a gente tem que buscar onde? Eu gostaria muito de buscar nas hidrelétricas. As hidrelétricas com capacidade de armazenamento são a fonte que permitiu a inserção sustentável da energia renovável no Brasil", afirmou Barroso, em palestra no Fórum de Energia, promovido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Ele argumentou que as fontes solar e eólica dependem das hidrelétricas para compor a matriz energética. "Então, a batalha das hidrelétricas é a batalha das renováveis. E nós vamos buscar essa discussão com a sociedade. Vamos colocar as hidrelétricas de novo no mapa do planejamento para tomar uma decisão pragmática. Vai ser a decisão sem mimimi", acrescentou. Quando a construção de hidrelétricas não for possível, o planejador vai considerar a alternativa térmica inflexível, segundo Barroso. Durante a palestra, o presidente da EPE ainda destacou o desafio do setor em buscar financiamento para os projetos, que, em sua opinião, não deve ser garantido exclusivamente pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). "A financiabilidade será onde o Brasil precisar melhorar. E financiabilidade é uma questão de risco. Risco é uma questão de credibilidade, que é uma questão de segurança, previsibilidade, transparência e sinal econômico. Nestes últimos a gente vem trabalhando", disse.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso