X

Diário da Região

28/06/2016 - 18h01min

São Paulo

Em dia de recuperação, Ibovespa fecha em alta de 1,55%

São Paulo

Depois de dois dias de fortes perdas, os investidores do mercado de ações dedicaram esta terça-feira, 28, à busca por boas oportunidades de compra. Com isso, o dia foi de recuperação de preços no Brasil, que acompanhou o movimento das bolsas na Europa e nos Estados Unidos. O resultado foi uma alta de 1,55% do Índice Bovespa (50.006,56 pontos), que recompôs parte dos 4,49% perdidos nos dois pregões posteriores ao plebiscito que decidiu sobre a saída do Reino Unido da União Europeia. "Hoje foi claramente um dia de repique, quando os preços chegam a um determinado nível que favorece uma recuperação, por terem caído demais. É uma busca por pechinchas", disse Raphael Figueredo, analista da Clear Corretora. "Mas esse alívio está longe de apontar para uma solução, pois o Brexit é um evento inédito no mundo e o mercado ainda precisará de muito estudo para avaliar os efeitos", disse o analista. A recuperação teve início nas bolsas da Europa, que haviam sofrido pesadas quedas desde sexta-feira, quando foi anunciado o resultado do plebiscito britânico. O índice pan-europeu Stoxx 600, subiu 2,57%. Em Londres, o índice FTSE 100 fechou em alta de 2,64%. Em Frankfurt, o índice DAX avançou 1,93%. A alta se estendeu ao mercado americano, que também havia sido penalizado nos últimos pregões, ainda que em proporções bem menores. Assim como aconteceu no exterior, as ações que mais influenciaram a alta do Ibovespa foram justamente as que vinham conduzindo as quedas desde o Brexit. Assim, bancos, responsáveis por mais de 25% da composição do Ibovespa, voltaram a se destacar. Itaú Unibanco PN subiu 3,50%, Bradesco PN avançou 2,47% e Santander Unit ganhou 1,11%. O alívio no mercado internacional também favoreceu a recuperação de preços das commodities, tendo o petróleo como destaque. Petrobras e Vale estiveram em destaque mais uma vez, mas agora em terreno positivo. O petróleo fechou em alta de 3,28% na bolsa de Nova York e de 3,01% na de Londres. Com isso, Petrobras ON e PN fecharam com ganhos de 4,17% e 4,78%, respectivamente. Vale ON (+4,46%) e Vale PNA (4,75%) acompanharam as altas do minério de ferro nos últimos dois dias, além da recuperação de outras mineradoras pelo mundo.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso