X
X

Diário da Região

03/08/2016 - 00h00min

POUCAS COMPRAS

Comércio está pessimista com vendas do Dia dos Pais

POUCAS COMPRAS

Guilherme Baffi 2/8/2016 Vitrines e promoções tentam ganhar atenção dos consumidores
Vitrines e promoções tentam ganhar atenção dos consumidores

O Dia dos Pais, uma das seis principais datas para o comércio, será de queda nas vendas, segundo estimativa da Acirp (Associação Comercial e Empresarial de Rio Preto). Parte da culpa está na falta de definição política que dê aos empresários e consumidores um norte sobre a reação da economia do País nos próximos meses.

Segundo o vice-presidente setorial da associação, Jorge Luis de Souza, a previsão é que as vendas sejam entre 3% e 5% inferiores às do mesmo período do ano passado. “O momento de penumbra na política está deixando todo mundo apreensivo. O empresário não investe, e o consumidor não compra em função do medo do que virá pela frente”, diz.

O valor médio das compras vai ficar em torno de R$ 90 e o comércio espera que, como em outras datas, os filhos deixem para adquirir os presentes na semana que antecede a data.

“Não vão ser grandes presentes este ano. Produtos de uso pessoal, ligados a vestuário, calçados, perfumaria, área esportiva devem ter maior saída. Os lojistas que quiserem poderão abrir até as 22h na sexta-feira e até as 18h no sábado. Eles estão autorizados, mas não são obrigados a funcionar em horário especial”, explica.

Este ano, a data não gerou contratações temporárias, segundo Souza. Ele diz que, pelo contrário, o que preocupa é que continue o processo de demissões que se arrasta desde o início do ano. Em 2016, o setor não criou nem um posto de trabalho no saldo final entre contratações e demissões.

“Foram fechadas quase 2 mil vagas desde janeiro e julho, acredito, chegamos ao fundo do poço. Todos os empresários com quem falamos relataram dificuldades nos negócios”, conta.

vendas 03082016 Clique na imagem para ampliar

Ainda segundo Souza, o que o consumidor pode esperar são preços mais convidativos e promoções. É que ele diz que os lojistas cortaram custos administrativos, reduziram investimentos e diminuíram margens de lucro para ser mais competitivos.

O Sincomércio de Rio Preto também não aposta nos presentes do Dia dos Pais para movimentar o comércio varejista. Em conjunto com a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (Fecomercio/SP) estima que, após sucessivos resultados negativos, o varejo esboce recuperação em agosto, mas não com os presentes.

Segundo o presidente do Sincomercio, Ricardo Eladio Arroyo, apesar de ser o mês do Dia dos Pais, o crescimento nas vendas não será motivado pela data. É que, pela pesquisa, lojas de vestuário, tecidos e calçados, segmentos preferidos na hora da escolha de presentes, devem apresentar queda de 5%.

“Há pouca disposição das famílias para contrair dívidas, enquanto bancos e financeiras estão muito seletivos na concessão de empréstimos, restringindo a oferta de crédito. Além disso, o orçamento das famílias segue comprometido pelos altos preços dos bens de primeira necessidade, a renda real recuou e o desemprego aumentou significativamente desde o Dia dos Pais do ano passado”, diz Arroyo.

Dentro desse contexto, o sindicato aposta que presentes de valor mais elevado, como eletrodomésticos e eletrônicos, por exemplo, devem perder espaço na lista dos mais vendidos, dando lugar a itens com preços menores, que comprometam menos o orçamento e não exijam financiamento.

Shoppings lançam iscas para atrair consumidor

Programas culturais, variedade de opções de entretenimentos, brindes e sorteios. Os shoppings de Rio Preto lançam atrativos para consumidor no Dia dos Pais. Esses “convites” podem fazer a diferença nas vendas. Essa é a opinião do presidente da Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce), Glauco Humai.

“Opões de lazer, entretenimento, gastronomia e outras conveniências oferecidas pelos shoppings é que vão atrair as famílias durante esse período”, diz. A expectativa da associação é que as vendas este ano sejam 5% superiores às registradas na mesma data do ano passado. 

Desde o último dia 1º e até domingo, 14, o Riopreto Shopping realiza campanha de troca de nota fiscal, oficinas culturais, exposição de flores, cerveja artesanal entre outras ações.

A campanha de troca de nota fiscal, que começa no dia 8, irá presentear os clientes que acumularem notas fiscais com CPF no valor mínimo de R$ 350. Este ano, o brinde é um vinho italiano da marca Terre Nostre Rosso, da região de Treppo Grande, conceituado entre enófilos e sommeliers. Cada pessoa poderá retirar no máximo um brinde por dia. Durante o período da promoção, de 8 a 14, serão sorteadas, no ato da troca, camisetas, que poderão ser customizadas pelo artista plástico Wilde Maurício.

Os clientes do Praça Shopping vão concorrer dentro da campanha “R$ 10.000,00 para o Papai”. Desde o dia 30 de julho e até o dia 18 de agosto, a cada R$ 150 em compras nas lojas, o cliente recebe cupons para participar da promoção. No dia 19, será sorteado o prêmio de R$ 10 mil em dinheiro. O vendedor que estiver vinculado ao cupom vai ganhar uma moto zero quilômetro.

E a promoção se estende até para os curtidores da Fanpage do shopping. “Meu pai merece ganhar R$ 10 mil do Praça Shopping porque...” dará aos autores das duas repostas mais criativas um cartão presente no valor de R$ 100 cada.

O Dia dos Pais no Cidade Norte será marcado pelo “Duelo de Gerações”. A cada R$ 50 em compras, o consumidor vai ganhar 15 minutos em uma ilha de vídeos games que rodarão jogos do passado e do presente. 

“Seu pai ganha um presente para comemorar outro presente”, é a campanha do Plaza Avenida. A cada R$ 300 em compras, o cliente ganha um kit da cerveja Cidade Imperial. A promoção vai até o próximo dia 15 ou até durarem os estoques. Cada pessoa tem direito a retirar dois kits.

No sábado, dia 6, o Iguatemi Rio Preto promove evento da cultura cervejeira, das 10h às 22h. Além da variedade de cervejas artesanais, haverá food trucks, apresentações musicais e palestras e cursos gratuitos. O shopping também aposta em outras programações culturais para levar o consumidor até o centro de compras, como mostra fotográfica de pais e filhos e apresentação de peça infantil.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso