X
X

Diário da Região

25/01/2017 - 16h27min

São Paulo

Bolsas da Europa fecham em alta, impulsionadas pelo setor financeiro

São Paulo

As bolsas europeias encerraram a quarta-feira, 25, em alta, impulsionadas pelo setor financeiro e na esteira do apetite a risco que levou o índice Dow Jones, da Bolsa de Nova York, a romper a marca dos 20 mil pontos neste pregão. O índice pan-europeu Stoxx 600 fechou em alta de 1,26%, aos 366,59 pontos. Em Frankfurt, o índice DAX teve elevação de 1,82%, aos 11.806,05 pontos. As ações do Deutsche Bank saltaram 5,75%, na expectativa de que os resultados trimestrais, que serão apresentados na próxima semana, superem as projeções dos analistas. Ainda circulam no mercado rumores de que a instituição poderá fazer uma oferta pública de ações de sua gestora de recursos. No período da manhã, o Santander anunciou lucro maior do que o esperado pelo mercado no quarto trimestre de 2016, o que fez as ações do banco avançarem 4,03%. Na Bolsa de Madri, o índice Ibex-35 subiu 1,73%, para 9.549,30 pontos. Os papéis do Banco Popular Espanhol tiveram alta de 3,28% e as do CaixaBank saltaram 6,43%. Em Paris, as ações do Société Générale avançaram 4,32% e as do BNP Paribas subiram 4,16%, contribuindo para a alta de 0,99% do índice CAC-40, que fechou aos 4.877,67 pontos. A Bolsa de Milão subiu 0,42%, para 19.582,23 pontos, com as ações do Unicredit disparando 8,94%. A Bolsa de Londres encerrou o dia com alta mais modesta, de 0,20%, com o FTSE-100 aos 7.164,43 pontos. Contrabalançando os ganhos do setor financeiro - com Royal Bank of Scotland (+3,41%) e Lloyds (+2,09%) - estão as perdas das mineradoras BHP Billiton (-1,55%) e Fresnillo (-4,18%), com os investidores realizando lucros. Na contramão, Lisboa fechou em leve retração, de 0,07%, aos 4.573,73 pontos. Além do desempenho positivo das companhias europeias, analistas atribuem o bom humor dos investidores aos planos do recém-empossado presidente dos EUA, Donald Trump, de aumentar os investimentos no país, sobretudo em infraestrutura. Na terça, Trump determinou o prosseguimento da construção de dois importantes oleodutos - Keystone e Dakota Access. Em reunião com executivos da indústria automobilística, ele prometeu cortar impostos e regulamentações consideradas desnecessárias para facilitar os negócios de interessadas em atuar em solo americano.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso