X
X

Diário da Região

15/03/2017 - 13h00min

RIO DE JANEIRO

Marcos Caruso e Grace Passô levam prêmio Shell

RIO DE JANEIRO

Divulgação Dramaturga, diretora e atriz Grace Passô em cena de Vaga Carne, que lhe rendeu Prêmio Shell no Rio
Dramaturga, diretora e atriz Grace Passô em cena de Vaga Carne, que lhe rendeu Prêmio Shell no Rio

Marcos Caruso, por seu papel no monólogo O Escândalo de Philippe Dussaert, e Grace Passô, pela autoria de Vaga Carne, receberam o prêmio Shell de Teatro do Rio de Janeiro nas categorias de melhor ator e autor, respectivamente.

A cerimônia de entrega do prêmio aconteceu nesta terça-feira, 14, no Copacabana Palace, localizado na zona sul da capital fluminense.

Caruso lembrou que a primeira vez que concorreu a um prêmio como ator, o vencedor foi Edwin Luisi, apresentador desta edição da premiação. "Eu me senti no meio de pessoas que eu conheço. Pessoas do teatro, quem amam teatro, que dão o sangue pelo teatro", afirmou.

O ator agradeceu à Shell por manter a premiação. "Cultura é para ser cultivada. Cultivar é manter um prêmio por 29 anos", completou.

35 anos de amor ao teatro

A edição deste ano celebrou ainda as tradições do teatro popular e de rua com uma homenagem à trajetória do Grupo Galpão, que atua há 35 anos na cena teatral brasileira e é um dos mais importantes do País.

Eduardo Moreira, um dos fundadores do Grupo Galpão, destacou a importância do teatro para o Brasil. "Um país sem cultura, arte e teatro é um país sem memória. E um país sem memória não tem história, tem um povo sem senso crítico e manipulável", disse.

Vencedores do 29º Prêmio Shell de Teatro do Rio de Janeiro:

Autor: Grace Passô por "Vaga carne"

Direção: Duda Maia por "Auê"

Ator: Marcos Caruso por "O escândalo Philippe Dussaert"

Atriz: Vilma Melo por "Chica da Silva, o musical"

Cenário: André Curti e Artur Luanda Ribeiro por "Gritos"

Figurino: Luiza Fardin por "Se eu fosse Iracema"

Iluminação: Renato Machado por "Uma praça entre dois prédios, próximo de um chaveiro, grafites na parede e uma árvore"

Música: Luciano Moreira e Felipe Vidal por "Cabeça (um documentário cênico)"

Inovação: Rede Baixada em Cena, pelo movimento de discutir a criação estética e o poder de mobilização de 18 coletivos de 13 cidades da Baixada Fluminense.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso