X
X

Diário da Região

29/04/2017 - 00h00min

RAP COM REPENTE

RAPadura Xique-Chico faz show em Rio Preto neste sábado

RAP COM REPENTE

Divulgação Rapper RAPadura Xiqu’e-Chico se destaca na cena do hip hop pela mescla que faz com ritmos do norte e nordeste
Rapper RAPadura Xiqu’e-Chico se destaca na cena do hip hop pela mescla que faz com ritmos do norte e nordeste

RAPadura Xique-Chico nasceu no interior do Ceará e cresceu em uma família que sempre cultivou a cultura popular e de raiz. Em 1997, a sua família migrou para o Distrito Federal, e, lá, ele conheceu outros costumes. Uma das descobertas foi o universo hip hop. Ele começou a dançar breaking, mas não se sentia 100% integrado. Insistiu e começou a criar uns raps tradicionais, que abordavam problemas sociais. No entanto, sentia falta de algo e a família tinha resistência ao gênero.

Ao tentar agradar os pais e matar a saudade que sentia do nordeste, o jovem misturou seu som a uma música de Luiz Gonzaga. E o resultado deu certo. Além de contentar o pai, em especial, ele se encontrou como MC. O menino, que cantava repentes e cordéis com pai ainda bem pequeno e ouvia muito brega forró e músicas regionais na adolescência, resolveu integrar o rap contemporâneo à música de raiz, misturando o estilo com ritmos nordestinos e nortistas.

Com a mistura, ele venceu o preconceito dentro de casa e conquistou o Brasil e também a Europa. Com chapéu de palha, cabelos cacheados e sandália de couro, RAPadura é pioneiro em um movimento de defesa da cultura popular nordestina dentro do universo da cultura hip hop. Aos 32 anos, o artista hoje vive na estrada para divulgar seu trabalho, e desembarca em Rio Preto para fazer um show com DJ Basim, neste sábado, 29, às 20h, no espaço cultural Arena Margarida.

A apresentação RAPadura integra a programação do projeto HipHopCidade, que reúne várias atividades da cultura hip hop na cidade. Quem for ao espaço cultural verá RAPadura apresentar o canto falado, que ele define como uma mistura de rap com a tradição da cultura popular brasileira. O repertório da apresentação traz letras fortes e que falam com e sobre o povo.

Em 2016, RAPadura participou de alguns shows do grupo O Rappa, dentro da turnê Acústico Oficina Francisco Brennand, em que cantou a união das canções Reza Vela, do grupo, e Nordeste me Veste, dele. Além da banda de Marcelo Falcão, o artista nordestino conquistou admiração de figuras da música brasileira como Lenine, Marcelo D2, MV Bill e Rappin Hood.

 

 

RAPadura já fez trê turnês na Europa. Em 2014, ele participou do maior festival de hip hop na República Tcheca. Com o sucesso, hoje ele é influenciador. “Muita gente do norte e nordeste que não se reconhecia hoje já mistura a música regional com outros estilos. Nossa cultura é muito rica. Antes de nós, ela já existia”, afirma o artista, que tem interferência de ritmos como maracatu, forró, baião e cantigas.

Esta é a quarta vez que o artista vem a Rio Preto. O último convite partiu do rapper Taroba. “Tenho uma identificação cultural muito forte com o pessoal de Rio Preto. Taroba, por exemplo, é um militante da cultura”. E nesta nova vinda à cidade, ele agendou três apresentações. Na noite de sexta-feira, 28, ele fez pocket show na casa noturna Ledz, neste sábado, 29, se apresenta no Arena Margarida, e no domingo, 30, a partir das 17h, também faz um pocket na Casa das Janelas.

O nome de RAPadura é Francisco Igor Almeida do Santos e ele nasceu no município de Lagoa Seca, na periferia de Fortaleza. O apelido vem da sua paixão por rapadura, nome do doce tipicamente nordestino. Suas maiores influências são artistas como Marinês, Luiz Gonzaga, Heleno Ramalho, Banda de Pau e Corda, Lia de Itamaracá, Patativa do Assaré, Jackson do Pandeiro, entre outros. Ele tem um EP com oito músicas, que foi gravado em 2010.

No momento, ele está trabalhando no primeiro disco, que se chamará Obra Criação, terá entre 9 e 11 canções e será lançamento no começo do ano que vem. Ainda neste ano, ele vai lançar duas canções com clipes. “É para o público já ir acostumando com o som”, afirma. “O disco terá parcerias forte. Terá participações de figuras importantes do MPB, mas não posso falar nomes.”

Serviço

  • Show de RAPadura. Hoje, às 20h, no Arena Margarida. Amanhã, às 17h, na Casa das Janelas.

 

Arcturians - 29042017 Duo de rap Arcturians integra o evento

HipHopCidade segue até amanhã

Além do show do RAPadura, várias atividades estão programadas para este sábado, 29, dentro do evento HipHopCidade. A partir das 9h, no Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua, o Centro POP, na Vila Imperial, será realizado o Graffiti Art (intervenção de grafite na rua). Serão 22 artistas grafitando muros do Centro POP, na Avenida Bady Bassitt. A lista traz nomes como Pecks, DEGR, Edson, Ora e Stan. 

A partir das 10h, na Swift, está agendado oficinas de danças urbanas gratuitas. As inscrições podem ser feitas no local. Neste domingo, 30, o Graffiti Art continua no Centro POP. O projeto HipHopCidade promoverá mostras de danças urbanas e apresentação de breaking na Swift, a partir das 9h. Já o Arena Margarina será palco de shows de grupos de rap, com nomes como Arcturians, Drop, Robertinho Filho do Céu e Outro Lado da Moeda, de Rio Preto, e Equilíbrio Rap, de Votuporanga, e de uma feira de discos, com exposição e troca, com a participação de colecionadores de Rio Preto e outras cidades do Interior, das 16h às 23h.

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso