X
X

Diário da Região

27/02/2015 - 07h34min

De carona no Bonde

Músico paraense apresenta releituras das músicas de "Expresso 2222"

De carona no Bonde

Divulgação Destaque da cena paraense contemporânea, Felipe Cordeiro é cantor, compositor e multi-instrumentista
Destaque da cena paraense contemporânea, Felipe Cordeiro é cantor, compositor e multi-instrumentista

Quinto álbum de estúdio de Gilberto Gil, lançado em 1972, após seu retorno do exílio em Londres, "Expresso 2222" desponta como um dos discos mais icônicos da carreira do cantor, compositor e um dos idealizadores do movimento tropicalista. A riqueza instrumental do álbum contrasta com sua virtuose popular, evidenciando um artista em sintonia com suas raízes culturais, mas com os olhos voltados para o futuro.


A faixa-título tornou-se tão conhecida que, em 1998, batizou o trio-elétrico de Gil, que até hoje é uma das atrações do Carnaval de Salvador (BA). Nascido em 1984, doze anos depois do lançamento de "Expresso 2222", Felipe Cordeiro, expoente da nova geração musical do Pará, conheceu os clássicos deste álbum ainda na infância, por meio do pai, o guitarrista e produtor Manoel Cordeiro, pioneiro da lambada naquele Estado e responsável por sucessos do gênero cantados por inúmeros artistas do norte e nordeste.


"Quem me chamou a atenção para este disco foi o meu pai, que sempre o ouvia em casa. O álbum apresenta um Gilberto Gil pós-tropicalista, explorando uma diversidade instrumental por meio de canções bastante populares", declara o paraense ao Diário, como se refletisse sobre a própria identidade que construiu na cena musical brasileira, permeada por estilos amazônicos que vão da lambada ao carimbó, da guitarrada ao tecnobrega.


O envolvimento de Cordeiro com "Expresso 2222" tornou-se ainda maior em 2011, ano em que o paraense apareceu para o cenário nacional e seu show foi considerado pela crítica como um catalisador da nova cena musical do País. "Fui convidado para participar de um projeto em que músicos de diferentes vertentes escolhiam um álbum clássico para apresentar ao vivo, com novos arranjos. Não tive dúvida quanto a minha escolha e, em 2012, estava apresentando as canções de 'Expresso 2222' no Sesc Santana, em São Paulo", relembra.


O resultado deu tão certo que o show foi mantido e poderá ser conferido pelo público da região hoje à noite, quando Cordeiro sobe ao palco da comedoria do Sesc Rio Preto. Sobre a sua releitura musical para os clássicos de Gil, Cordeiro declara que elevou ainda mais a pegada popular impressa pelo tropicalista. "Tem muita guitarrada e ritmos do norte, mas também há um rock com influência dos anos 1970", avisa o paraense.

Divulgação Capa do LP "Expresso 2222"

Apesar de não se considerar um excelente intérprete, Cordeiro diz que adora se aventurar em novos desafios musicais, concebendo para as doze músicas de "Expresso 2222" arranjos muito próprios, que exprimem a estética "pró-kitsch" cunhada pelo paraense desde seu disco de estreia, o elogiado "Kitsch Pop Cult" (2012).

Artista que acumula parcerias com nomes consagrados e as novas gerações da música - como André Abujamra, que produziu seu primeiro disco; Arnaldo Antunes, com quem compôs a ótima "Ela é Tarja Preta"; Tulipa Ruiz, parceira na canção "Virou"; e o seu próprio pai, que o acompanha pelos principais festivais do País - Cordeiro conquista cada vez mais espaço na música nacional com um trabalho que exala alegria e bom humor, sem medo de ser brega.

Expresso 2222

1 - Pipoca Moderna (Sebastião C. Biano)
2 - Back in Bahia (Gilberto Gil)
3 - O Canto da Ema (João do Valle, Aires Viana e Alventino Cavalcanti)
4 - Chiclete com Banana (Almira Castilho e Gordurinha)
5 - Ele e Eu (Gilberto Gil)
6 - Sai do Sereno (Onildo Almeida)
7 - Expresso 2222 (Gilberto Gil)
8 - O Sonho Acabou (Gilberto Gil)
9 - Oriente (Gilberto Gil)
10 - Cada Macaco no seu Galho (Riachão)*
11 - Vamos Passear no Astral (Gilberto Gil)*
12 - Está na Cara, Está na Cura (Gilberto Gil)*

* Faixas bônus da versão em CD

Veja o videoclipe de Felipe Cordeiro







Serviço

Felipe Cordeiro canta as músicas de "Expresso 2222". Hoje, às 21 horas, no Sesc. Gratuito. Informações pelo telefone: (17) 3216-9300






Clique aqui e confira a programação de Eventos & Shows






>> Leia aqui o Diário da Região Digital

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso