X
X

Diário da Região

13/12/2014 - 10h04min

Reciclagem

Globo transforma 12 séries em telefilmes

Reciclagem

Divulgação “Dalva e Herivelto”, exibida em 2010, é uma das minisséries e seriados que serão reciclados
“Dalva e Herivelto”, exibida em 2010, é uma das minisséries e seriados que serão reciclados

Minisséries e seriados vistos em 10, 20 ou mais episódios ao longo dos 49 anos de história da Globo serão revisitados em formato de telefilme, para celebrar o cinquentenário da TV fundada por Roberto Marinho em abril de 1965. É o primeiro passo efetivo nas celebrações dos 50 anos. Os telefilmes - apenas 12, inicialmente - serão exibidos em janeiro, com cerca de 80 a 90 minutos, de terça a sexta-feira, na faixa noturna. E, dependendo do resultado, a Globo pode sacar outras obras da gaveta até o fim do ano.


A iniciativa une, como poucas vezes se viu nos bastidores da emissora, as áreas de Entretenimento, na figura do diretor Guel Arraes, e de Programação, chefiada por Amauri Soares. Alinhavada pelos dois lados, a curadoria se valeu de critérios que somam o aspecto artístico, a relevância da obra para a história da emissora e os efeitos técnicos da edição a ser operada em cada uma, com os devidos cortes até para intervalo comercial, seguindo estratégias de programação capazes de cativar a audiência.


"Nosso primeiro critério foi selecionar obras significativas para esses 50 anos, mas é claro que muita coisa precisa ser restaurada e, dos anos 70 para trás, temos pouco material em condições de ir ao ar", disse à reportagem o diretor Guel Arraes. "O Pagador de Promessas", por exemplo, obra que Dias Gomes levaria à TV em 1988, uma das mais antigas da safra selecionada, já havia sido restaurada ao ser lançada, há alguns anos, em DVD.


Uma história de bastidor que a Globo não há de mencionar nesse revival é que o enredo, considerado subversivo por Roberto Marinho, sofreu intervenções do criador da Globo na época e teve quatro de seus capítulos originais cortados. A definição da edição, agora, foi feita, em sua primeira etapa, pelos profissionais envolvidos na criação de cada produção, autores ou diretores. "Às vezes o autor sugeria uma trilha central a ser seguida na edição", explica Guel.


"Outra coisa interessante é como uma obra é percebida pelo público de modo diferente, quando vista em capítulos ou de uma vez só. Vi muito isso no 'Auto da Compadecida', quando as pessoas comentavam que o impacto no cinema não era o mesmo da TV e, no entanto, era a mesma produção, só editada de outra forma." "Lampião e Maria Bonita", de 1982, é o título mais antigo da lista, que vai até "A Teia", vista este ano.


Não que a exibição siga uma ordem cronológica das produções, mas, entre um título e outro, a seleção inclui, além de "O Pagador de Promessas", as minisséries "Anos Dourados" (1986), "Primo Basílio" (1988), "Noivas de Copacabana" (1992), "Presença de Anita" (2001), "Maysa" (2009), "Dalva e Herivelto" (2010) e "O Canto da Sereia" (2013). A lista inclui ainda dois seriados, compactados em telefilme: "Ó Paí, Ó" (2008) e "Força Tarefa" (2009).


É um período que compreende não 50, mas 33 anos de Globo, dada a baixa qualidade do material disponível entre 1965 e 1980. "A ideia é abrir o ano com essa programação. A gente quer fazer a televisão do futuro, mas não tem como não lembrar o que foi feito no passado. E não é uma reprise, é uma reprise renovada, que desperta uma coisa nostálgica", completa Guel.


Assista o trailer de algumas séries que virarão filmes:







Clique aqui e confira a programação de cinema




>> Leia aqui o Diário da Região Digital

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso