X

Diário da Região

14/05/2015 - 00h00min

Invasão 'Teen' nas prateleiras

Escritores adolescentes se destacam criando histórias de fantasia

Invasão 'Teen' nas prateleiras

Divulgação Sucesso na Bienal do Livro de São Paulo, Ana Beatriz Brandão, 15 anos, autora de “Sombra de Um Anjo”, emprestou seu nome para batizar biblioteca de escola na Capital: sua obra é a preferida por lá
Sucesso na Bienal do Livro de São Paulo, Ana Beatriz Brandão, 15 anos, autora de “Sombra de Um Anjo”, emprestou seu nome para batizar biblioteca de escola na Capital: sua obra é a preferida por lá

Eles ainda não completaram 18 anos nem chegaram à faculdade, mas já começaram a construir uma carreira por meio da literatura. Escritores adolescentes estão cada vez mais em evidência no segmento editorial, representando hoje um importante nicho de mercado e uma forma eficaz para conquistar jovens leitores.

Explorando histórias fantásticas - influenciados principalmente por obras consagradas como "Harry Potter", de J.K. Rowling, e "Senhor dos Aneis", de J.R.R. Tolkien -, adolescentes se aventuram no universo literário, chamam a atenção das editoras e conquistam uma legião de leitores, a maioria da mesma faixa etária.

A paulistana Ana Beatriz Brandão publicou seu primeiro livro, "Sombra de Um Anjo", em 2014, quando tinha apenas 14 anos. Os 1,5 mil exemplares foram disputados à tapa na 23ª edição da Bienal Internacional do Livro de São Paulo. 
Tanto que, na semana passada, na Livraria da Vila, na capital paulista, ela fez o lançamento da segunda edição da obra, que agora ganhou uma tiragem de 2,5 mil exemplares da editora Novo Século.

"Comecei a escrever como hobby. A ideia de publicar veio da minha mãe. Nunca imaginaria que meu livro teria tanta repercussão", comenta a escritora-prodígio ao Diário. A popularidade de "Sombra de Um Anjo" entre crianças e adolescentes é tanta que Ana Beatriz ganhou homenagem da escola Paulistana Instituição de Ensino. Como o livro é o preferido dos alunos, a instituição de ensino decidiu batizar sua biblioteca com o nome da jovem escritora.

Prestes a lançar seu segundo livro, "Caçadores de Alma", Ana Beatriz conta que a carreira de escritora influenciou na escolha da faculdade. "Eu pensava em fazer veterinária, mas, agora, quero prestar vestibular para o curso de cinema. Quero adaptar meus livros para a tela grande", declara.

 

Ana Carolina Jalles Rio-pretense Ana Carolina Jalles, 16 anos, autora da trilogia “A Lenda dos Cristais”: “Quando enviei o material para a editora, a resposta (positiva) foi imediata”, diz

Talento precoce

A rio-pretense Ana Carolina Jalles é outro nome que integra o time da Novo Século. Ela, que atualmente está com 16 anos, é autora da trilogia "A Lenda dos Cristais". Dois livros da série já foram publicados, o primeiro, assim como Ana Beatriz, quando ela tinha 14 anos. "Comecei a escrever para incentivar uma amiga de colégio a ler. 

A história ganhou corpo e, incentivada por meus professores, enviei o material para a editora. A resposta foi imediata", relembra a jovem, que já concluiu o último livro da trilogia, "O Segredo do Espelho", ainda sem previsão de lançamento.

Como escritora, Ana Carolina já acumula momentos inesquecíveis, como sua participação na Bienal do Livro de São Paulo, no ano passado, e a palestra que realizou em uma escola pública de Rio Preto. A trilogia de Ana Carolina trata da história de sete bruxas do bem que lutam contra um terrível bruxo das trevas, chamado Cien. "Vou fazer faculdade de direito, mas quero continuar escrevendo", avisa.

Outros gêneros

Ainda em busca de uma editora, a jovem mirassolense Fabíola Caroline, 18 anos, publicou de forma independente, em 2014, seu primeiro livro, "A Lembrança". O lançamento foi feito na escola "Genaro Domarco", onde ela concluiu o ensino médio. Apaixonada pelos livros de Nicholas Sparks, ela escreveu a história que deu vida à sua primeira obra durante um trabalho de escola. 

"Meus professores viram que aquela história poderia virar um livro", conta ela, que explora os gêneros romance e drama na história de uma jovem norte-americana, filha de pais separados, que descobre seu primeiro amor. Atualmente cursando direito, Fabíola diz que também pretende fazer letras para ter ainda mais suporte criativo para suas publicações literárias.

'Mercado se rende aos jovens talentos'

Apostando no talento literário de escritores adolescentes, a editora Novo Século, de São Paulo, criou há sete anos o selo "Talentos da Literatura Brasileira", que hoje conta com dezenas de autores nesta faixa de idade.

"O selo acredita muito nessa faixa etária. Nunca se leu tanto com essa idade e foi natural aparecerem muito escritores. Acreditamos que essa literatura já seja uma realidade e será também o futuro do mercado editorial", destaca Cleber Vasconcelos, coordenador editorial do "Talentos da Literatura Brasileira".

"Teremos finalmente um país de leitores e escritores. Sentimos orgulho por termos iniciado essa caminhada", reforça Vasconcelos. Segundo ele, os livros publicados por este segmento contribuem no incentivo da leitura entre os adolescentes. "Eles (escritores e leitores) se encontram no mesmo mundo, acreditam nas mesmas coisas. 

No entanto, vejo que esses talentos brasileiros vão além de sua faixa etária, sabem o mundo que procuram e acabam influenciando todo o povo brasileiro. Nosso mercado editorial está se rendendo aos jovens talentos", elogia. Para a publicação de uma obra, a editora Novo Século leva em conta aspectos como talento, criatividade, capacidade de interação e, principalmente, o "DNA que chamamos de influenciar outras pessoas", sejam da mesma faixa etária ou não. 

Eles também começaram cedo

Mary Shelley (1797-1851)
  • A obra mais importante da escritora britânica, o livro “Frankenstein (O Moderno Prometeu”, foi concluído no ano de 1817, quando ela tinha apenas 19 anos
Christopher Paolini
  • Um dos grandes nomes da literatura fantástica escreveu o primeiro livro do Ciclo da Herança, “Eragon”, quando tinha 18 anos. O livro foi publicado primeiramente pelos seus pais, chamando a atenção do mercado editorial
Fernanda Vernon
  • A brasileira começou escrever aos 12 anos, e publicou a sua primeira obra, “Anjos da Treva - O Início”, cinco anos depois
Arthur Rimbaud (1854-1891)
  • Escreveu ainda adolescente quase toda a sua obra em prosa e poesia
Anne Frank (1929-1945)
  • Começou a escrever o seu diário de dois anos e meio a partir dos 13 anos de idade, publicado postumamente no ano de 1947
Marcelo spalding

Jornalista, editor e mestre em literatura, o gaúcho escreveu “As Cinco Pontas da Estrela” aos 16 anos

Susan E. Hinton
  • A norte-americana escreveu seu primeiro romance quando tinha 15 anos. A publicação do livro “The Outsiders” (Os Marginais ou Vidas Sem Rumo) foi feita um ano depois

 

 


 

>> Leia aqui o Diário da Região Digital

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso