Diário da Região

14/05/2011 - 05h20min

Tecnologia em prol da vida

Válvula menos invasiva beneficia cardíacos

Tecnologia em prol da vida

Guilherme Baffi Domingo Braile: “Nova válvula pode ser colocada sem a necessidade de se retirar a antiga”
Domingo Braile: “Nova válvula pode ser colocada sem a necessidade de se retirar a antiga”

Uma válvula cardíaca desenvolvida em Rio Preto, que permite um procedimento menos invasivo que o atual, foi testada em 100 pacientes da região e também de São Paulo, Recife e Porto Alegre. A Inovare Válvula Transcatéter, criada pela Braile Biomédica, pode ser inserida no paciente com apenas um pequeno corte na região do peito ou na artéria femoral (perna) e é a primeira do gênero fabricada no Brasil.


O protótipo ainda aguarda aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para ser comercializado e deverá custar bem abaixo dos R$ 120 mil, valor do modelo importado. O valor estimado não foi informado. Os pacientes que receberam gratuitamente a válvula são idosos e portadores de doenças graves no coração.


Eles foram escolhidos para o teste porque não aguentariam o procedimento cirúrgico nos moldes atuais, no qual se faz necessária a abertura do tórax para instalação de uma válvula convencional. A taxa de mortalidade em um ano de uso da válvula rio-pretense foi de 10% a 12%. “Essa taxa é alta porque são pacientes que não tinham muitas chances de vida. Seria menor se aplicada em pessoas que tenham doenças menos graves”, disse o cardiologista Domingo Braile.


Além de evitar a abertura do tórax, o experimento também dispensa a técnica de se paralisar o coração durante a cirurgia - chamada de circulação extracorpórea. Por isso, segundo Braile, a recuperação é mais rápida e o risco é menor. O novo dispositivo ainda pode ser implantado sem que seja necessário retirar o que já estiver no coração do paciente. “Dentro de 15 a 20 anos, quem recebeu uma válvula convencional precisará passar por uma nova cirurgia para troca. Essa nova válvula pode ser colocada sem a necessidade de se retirar a antiga.”


Estudo


A Inovare Válvula Transcatéter começou ser desenvolvida há três anos, depois que Braile verificou que 35% das pessoas idosas indicadas para implante de válvula ou de troca do aparelho não passavam pelo procedimento porque não sobreviveriam. Todo estudo e fase de teste custaram R$ 2 milhões. O projeto, em parceria com a Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) foi feito em laboratório e os objetos foram testados em porcos antes de serem aplicados nos humanos.


A válvula, fabricada de pericárdio bovino, fica dentro de um stent de cromo cobalto. Dentro do stent é aplicado um balão de plástico resistente. A incisão é feita através de um catéter. Quando está posicionado no local da cirurgia, o balão é inflado, colocando a válvula no lugar da que o paciente já possui.


A válvula fixa-se na parede da veia, o que dispensa a necessidade de pontos. “O paciente já sai bom da mesa cirúrgica. Não precisa ficar um longo tempo em recuperação. Essa é uma das vantagens, sem contar que toda cirurgia grande é mais arriscada”, disse Ana Paula Marques de Lima Oliveira, gerente de pesquisa da Braile Biomédica.

   

Quer ler o jornal na íntegra? Acesse aqui o Diário da Região Digital

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso