Diário da Região

24/05/2003 - 02h16min

Tropa em choque

PM muda tática e reforça patrulhamento

Tropa em choque

Arquivo Comando cria novo turno para aumentar o número de viaturas nas ruas
Comando cria novo turno para aumentar o número de viaturas nas ruas
O comando do 17º Batalhão de Polícia Militar de Rio Preto tenta dar uma resposta à sociedade pelo crescente aumento da criminalidade na cidade. Dezesseis policiais militares foram transferidos de área ontem. Eles deixam a 8ª Companhia de Força Tática e passam a atender as 1ª e 7ª companhias, com sede nas zonas norte e leste, áreas que registram o maior índice de ocorrência. Os 16 homens que vão reforçar o policiamento foram retirados de um grupo de 50 policiais da Força Tática, considerada a elite da polícia e responsável pelo patrulhamento ostensivo da cidade. Eles passam a fazer patrulhamento de setor. A expectativa no quartel do Comando do Policiamento do Interior (CPI-5), é que mais mudanças ocorram a partir de segunda-feira. O teor das mudanças e o número de policiais que podem ser transferidos não foram divulgados pela instituição.

O comando tenta rever um significativo aumento nos índices de violência, que atormenta e amedronta a população. Nos três primeiros meses deste ano, o número de homicídios teve um crescimento de 33,3% com relação ao mesmo período do ano passado, saltando de nove para 12. Os furtos de veículos também tiveram aumento de 34,6%, passando de 222 no ano passado para 299 este ano. Foram registrados ainda 2.595 furtos em geral, um crescimento de 17,79%. A transferência dos policiais ocorre em um período de crise na corporação. Recentes medidas administrativas, como combate ao bico e troca de turno centralizada no quartel, desagradaram parte da tropa, que interpretou as mudanças como uma represália após a divulgação de uma fita VHS. A gravação mostra o tenente-coronel Domingos Vanderlei Galeazzi em viagem particular a Araraquara com viatura oficial. O major Osvaldo Ubiratã Alves Padilha, comandante interino do 17º Batalhão, nega que as transferências estejam relacionadas a algum tipo de retaliação contra a tropa. A justificativa para as mudanças é aumentar o combate a criminalidade em áreas que apresentaram aumento no índice de ocorrências.

O comando tenta atacar os criminosos, cada dia mais ousados e violentos, com aumento no número de viaturas que circulam na cidade no horário de pico. Até a semana passada, das 14 às 22 horas, 38 viaturas entre carros e motos faziam o patrulhamento da cidade. Desde segunda-feira, esse número passou a ser de 58, com a criação de um turno intermediário de trabalho. No começo de maio, 42 viaturas, do total de 101, estavam encostadas nas oficinas à espera de conserto. Um exemplo de modalidade de crime que demonstra a audácia dos criminosos, e que se intensificou desde o início do ano, é a tática de entrar em casas de famílias durante o dia, fazê-las reféns e agredi-las para roubar jóias e objetos de valor. As medidas tomadas pela cúpula da PM não devem se restringir à cidade de Rio Preto. O comando garante que está fazendo estudos técnicos na região a fim de dinamizar o policiamento nas cidades que possuem déficit de efetivo. Os municípios que apresentam falta de policiais não foram divulgados pela corporação. A grande reclamação dos policiais que trabalham nessas cidades é que em muitos casos são obrigados a fazer o patrulhamento solitário, expostos a diversos riscos. Como no recente caso de Potirendaba, onde dois assaltantes armados foram perseguidos até Rio Preto por um único policial. Houve tiroteio e um dos criminosos morreu.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso