Diário da Região

06/10/2007 - 01h50min

Hanseníase

Estado vai pagar pensão a doentes

Hanseníase

A partir da próxima semana, secretarias municipais de saúde ligadas à Direção Regional de Saúde (DRS-15) de Rio Preto iniciam um mutirão para identificar e localizar 25 pacientes que foram acometidos pela hanseníase na década de 80 e que tiveram suas internações compulsórias. A proposta é que eles entrem com processo de pedido de pensão, que está sendo paga pelo governo federal. Só em Rio Preto, segundo a coordenadora do Programa Municipal de Prevenção à Hanseníase, a médica Maria Rita Cury, serão 12 pacientes. ?Os dados são do Museu da Hanseníase, que tem sede na Capital. Ao todo são 1,2 mil pessoas nessa categoria em todo o Estado de São Paulo?, afirmou. De acordo com o decreto federal de número 6.168, publicada em 24 de julho de 2007, os pacientes que foram internados compulsoriamente e isolados em hospitais colônias de todo o país até o ano de 1986 terão direito a pensão vitalícia mensal no valor de R$ 750. ?Primeiro vamos identificar esses pacientes, pedir que preencham um questionário para a entrada no benefício?, afirmou a médica. Pessoas que se enquadrem nessa categoria devem apresentar documentos que comprovem a internação compulsória e preencher um requerimento de pensão especial.

Segundo a Secretaria de Estado da Saúde, todas os 17 Departamentos Regionais de Saúde (DRSs) espalhados pelo interior de São Paulo, grupos de profissionais foram capacitados para fornecer informações e documentos aos pacientes vítimas de hanseníase. A Secretaria também disponibilizou, em sua página na internet, no endereço www.saude.sp.gov.br, o requerimento exigido pelo governo federal. Segundo a Secretaria de Estado da Saúde, o governo estadual mantêm um arquivo microfilmado de documentos, fichas de internação e prontuários de pessoas vítimas de hanseníase desde 1924. São 83 anos de informações sobre a doença. Pacientes que estiveram ineternados nos hospitais estaduais Padre Bento (Guarulhos), Francisco Ribeiro Arantes (Itu), Arnaldo Pezzuti Cavalcanti (Mogi das Cruzes) e o Instituto Lauro de Souza Lima (Bauru) vão poder pesquisar no arquivo das instituições documentos que comprovem a internação compulsória.

Hanseníase
De acordo com Maria Rita, a é uma doença crônica proveniente de infecção causada por uma bactéria. São poucos os que, em contato com ela, adoecem - fato que depende não somente das características da bactéria, mas também da sua relação com o hospedeiro. ?Os principais sintomas da doença são manchas brancas ou avermelhadas dormentes, dor nos nervos dos braços, das mãos, das pernas ou dos pés, partes do corpo com formigamento ou dormência?, afirma a médica. Atualmente, 40 pessoas se tratam da doença, que já foi conhecida como lepra, na rede pública de saúde de Rio Preto.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso