Diário da Região

13/11/2003 - 12h15min

Clima

Em áreas urbanas, calor parece ser maior

Clima

Rubens Cardia Regiões com muitas construções e asfalto, a sensação de calor é maior
Regiões com muitas construções e asfalto, a sensação de calor é maior
O termômetro instalado no aeroporto de Rio Preto marcava ontem, às 15h30, uma temperatura de 37ºC. Mas não é difícil encontrar termômetros do lado de fora de casas ou de estabelecimentos comerciais marcar 40ºC no mesmo horário. Termômetros malucos? Não. Dependendo da área em que a temperatura é medida, os termômetros podem marcar graus a mais. Áreas com grande concentração de vegetação, abertas e com boa umidade do ar apresentam sempre a mesma temperatura medida pelos termômetros. ?Porém, a situação é inversa em áreas com muitas construções e predominância de asfalto. O fenômeno de registro de temperaturas variadas em uma cidade é conhecido como sensação térmica?, explica a meteorologista Viviane Algarves, 33 anos, do Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC), órgão do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

Além de várias leituras de temperaturas, o fenômeno também provoca aumento do calor ou do frio no ser humano, causando a sensação de temperatura mais elevada ou mais baixa, conforme o que é registrado pelos termômetros. O corpo ganha ou perde calor à medida que aumenta a diferença de temperatura entre a pele e o ambiente. ?Podemos dizer que a sensação térmica é uma temperatura imaginária sentida pela pele em relação ao vento?, exemplifica Viviane. Assim, enquanto oficialmente é registrada uma temperatura de 35ºC, pode-se sentir um calor até cinco graus maior. ?Isso acontece porque a temperatura do corpo tende a aumentar conforme a temperatura externa.?

Quando ocorre o aumento da temperatura causado pela sensação térmica, é comum as pessoas se sentirem mal. ?O calor em excesso influi em todo o organismo, provocando alterações caracterizada por sudorese excessiva, queda ou aumento de pressão arterial e até possíveis desmaios.? Para diminuir a sensação ruim, é aconselhado o uso de vaporizadores de água nas casas e de soro fisiológico nos olhos e narinas. Além disso, é melhor evitar exercícios físicos entre as 10 e as 16 horas. ?Usas roupas de cores claras, sandálias e chinelos, além de beber muito líquido, também alivia os sintomas?, ensina a meteorologista.

Previsão
Para os próximos dias, o CPTEC prevê a chegada de uma frente fria ao Estado de São Paulo, proveniente do sul do País, o que conseqüentemente forçará uma queda de temperatura significativa. Está prevista chuva intensa, com direito a trovoadas e possibilidade de precipitação de granizo em algumas áreas do Estado, incluindo Rio Preto. Para hoje, a temperatura máxima prevista é de 28ºC e a mínima, de 21ºC. Amanhã, com chuvas esparsas, a máxima cai para 25ºC e a mínima pode chegar aos 18ºC.

Confira aqui a previsão do tempo

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso