Diário da Região

18/12/2007 - 01h42min

Aedes aegypti

Carta de Edinho vira ?arma? contra a dengue

Aedes aegypti

Carro de som, ligação telefônica com mensagem de alerta e até carta assinada pelo próprio prefeito de Rio Preto, Edinho Araújo. Essas são as novas armas contra a dengue anunciadas ontem pela Secretaria de Saúde de Rio Preto. Somente neste ano, a doença fez 10.035 vítimas na cidade. A primeira, o carro de som, já começa a funcionar a partir da próxima semana nos bairros Parque Estoril, São Francisco e Cidade Jardim, que hoje aglomeram o maior número de casos de dengue registrados a partir do mês de setembro, quando teve início nova fase de proliferação do Aedes aegypti, mosquito transmissor da virose, a época das chuvas. ?A idéia é informar a população sobre a real situação do bairro em que ela mora e chamar a atenção para que se previna frente a epidemia, que limpe sua casa e não deixe qualquer recipiente com água. Entramos em uma uma nova fase. Não pensamos mais em erradicar a doença, mas sim em controlá-la?, disse Amena Alcântara Ferraz, coordenadora do programa de controle de vetores, mantido pela Secretaria de Saúde de Rio Preto.

A mensagem telefônica de alerta e a carta assinada por Edinho passam a vigorar a partir de janeiro de 2008. Os moradores dos bairros que tiverem maior número de casos de dengue ou locais onde as equipes constatem alto índice de negativa para que agentes visitem os imóveis receberão ligações telefônicas com mensagens gravadas alertando sobre a gravidade da situação. ?Quanto à decisão da carta com assinatura do prefeito, a estimativa é de que ao ver o nome de Edinho no papel, o cidadão se convença sobre o perigo da epidemia, é mais uma forma de alerta?, afirmou o diretor de Vigilância em Saúde do município, Eduardo Lazzaro. Para fazer o serviço, uma empresa será contratada pelo órgão, que ainda não sabe o quanto será investido na ação.

Entre as ações previstas no Plano de Contigência da Dengue para 2008 também está a expansão do número de macas do Pronto-Socorro Central - de 30 para 50 leitos e também um convênio com o Hospital Ielar, em que serão disponibilizados outras 20 vagas, em uma ala especial, exclusivas para atendimento de pacientes com dengue em situação grave. Os casos de dengue hemorrágica ou em que houver risco de morte serão encaminhados ao Hospital de Base de Rio Preto. ?Também foi aberta licitação para a compra de mais uma moto para a Saúde, que vai ser a responsável pela coleta dos hemogramas nas unidades de saúde, o que vai agilizar o resultado dos exames que antes demoravam até 15 dias?, disse o secretário de Saúde, Arnaldo Almendros de Melo.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso