X
X

Diário da Região

13/07/2016 - 00h00min

COLUNA DO DIÁRIO

Valdomiro entra de sola na campanha

COLUNA DO DIÁRIO

Vinícius Marques Orlando Bolçone, Marcondes e o prefeito Valdomiro Lopes: cerco para evitar debandada. (Foto: Vinícius Marques)
Orlando Bolçone, Marcondes e o prefeito Valdomiro Lopes: cerco para evitar debandada. (Foto: Vinícius Marques)

O prefeito Valdomiro Lopes (PSB) entrou de sola na campanha para eleger o sucessor. No momento, ele se empenha em frear o avanço de Edinho Araújo (PMDB) sobre partidos de sua base governista. Menos de 24 horas depois de Edinho ter se reunido com o presidente da Câmara, Fábio Marcondes (PR), Valdomiro conversou por quase duas horas com o vereador na manhã desta terça-feira, 12. Primeiro, sozinho com Marcondes, no gabinete. Depois, continuou a reunião no escritório do deputado estadual Orlando Bolçone, o pré-candidato a prefeito escolhido por Valdomiro dentro do PSB.

O prefeito resolveu agir depois que aliados do PPS e PRB debandaram para os lados de Edinho, que anuncia a pré-candidatura, nesta sexta-feira, às 17h, na Câmara. O prefeito também já correu para segurar o PTB de Jorge Menezes. Sem sucesso com Paulo Pauléra (PP), outro aliado que aderiu ao peemedebista, Valdomiro demitiu um assessor indicado por ele na Prefeitura. Aliados do prefeito afirmam que as conversas sobre a união do grupo são “duras”, com ameaça de exonerações de indicados de vereadores que seguirem o rumo de Pauléra.

O prefeito admitiu a preocupação. “Vamos deixar muitos recursos para obras. O Brasil está parado e Rio Preto bombando. O presidente da Câmara é meu amigo. Quero o Fábio junto com a gente”, disse. Marcondes afirmou nesta terça que tem “afinidade” com Bolçone, o mesmo Marcondes que um dia antes afirmara que Edinho tinha “boas propostas” para Rio Preto. Ele é a “noiva” da vez.

 

Sem Eleuses, Mané corre atrás do PSD

O ex-prefeito Manoel Antunes, que, mais uma vez, vai tentar voltar ao cargo na eleição de outubro, aproveitou a notícia de que o ex-deputado Eleuses Paiva jogou a toalha e correu atrás do PSD novamente. Isolado no nanico PRP, o ex-prefeito de Rio Preto conversou nesta terça, 12, com o vereador Renato Pupo, interlocutor de Eleuses nas negociações com outras legendas. Apesar de pequeno, o PRP montou uma boa chapa de vereadores. “Ele ficou de conversar com o partido sobre a possibilidade de uma aliança na proporcional”, afirmou Pupo. O PSD dá em troca tempo de TV, por exemplo, que será mínimo se o PRP continuar sozinho.

 

CURTAS

Bunker - Minutos antes de se reunir com Orlando Bolçone e Fábio Marcondes, o prefeito Valdomiro Lopes montou uma espécie de “operação de guerra”. Mandou que todos entregassem os celulares para um assessor e que todas as portas perto sala da reunião fossem fechadas. Quanta preocupação para uma “conversa amigável”, como o prefeito diz ter sido o encontro.

 

curtas13072016

 

 

W.O. - Com o cenário eleitoral de Rio Preto entrando em combustão, a ausência do casal de tucanos Vaz de Lima (foto) está na boca de aliados e rivais. Quem vive o dia a dia das costuras de alianças de campanha vislumbra que Vaz teria desistido da disputa. Nesta quarta-feira, 13, a cúpula do PSDB tem reunião em São Paulo para falar de eleições.

 

 

 

Tira daqui e põe ali - O prefeito Valdomiro Lopes baixou decreto nesta terça, 12, com um pacote de remanejamentos no orçamento. Tirou dezenas de “pingados” de outras pastas para conseguir juntar cerca R$ 800 mil para a Secretaria Obras - sem informar para quê. Em outra portaria, abriu crédito de R$ 6,6 milhões para a Saúde. Para tanto, cortou gastos sociais e mais de R$ 1 milhão na Educação. 

Cale-te boca - Presidente da CPI criada pela Câmara de Rio Preto, em 2013, para apurar denúncias de que o ex-procurador-geral do município Luiz Tavolaro ganhava mimos da Constroeste, como um Passat alemão, o vereador Francisco Jr. (DEM) prefere não falar mais sobre o assunto, apesar de novas evidências levantadas pelo Ministério Público sobre o caso.

 

NOTAS

notas13072016

 

 

Esperança petista - Apesar de o PT estar em baixa, há uma ponta de otimismo no staff do deputado estadual João Paulo Rillo (foto), pré-candidato do partido a prefeito de Rio Preto. Um deles acredita que pode se repetir neste ano o cenário de 2008. Naquele ano, o deputado estadual Orlando Bolçone, então no PPS, também era o candidato do governo, mas foi Rillo quem foi para o segundo turno contra Valdomiro.

 

 

 

Ponto fraco - A equipe do petista diz que o chefe tem um trunfo contra o rival, que já o beneficiou em 2008: os debates televisivos. A oratória é o calcanhar de aquiles de Bolçone, cujos raciocínios longos, tortuosos e não raro inconclusivos afligem até os aliados. Ele sabe disso e já teria procurado ajuda para ver se consegue melhorar.

Luz sem ponte - A Prefeitura de Rio Preto abriu licitação para iluminar a ponte estaiada perto do lago 3 da Represa, às margens da BR-153 (aquela que liga o nada a lugar nenhum enquanto não for construído um viaduto sobre a rodovia). A iluminação tem custo estimado de R$ 561 mil. 

 

coluna2

 

 

O deputado Eduardo Cunha (PMDB) depõe na Comissão de Constituição e Justiça para se defender de pedido de cassação contra ele. “Hoje sou eu, amanhã são vocês”, afirmou ele, apelando para o espírito de corpo dos colegas

 

 

 

 

NA REDE?

É hora de aproveitar - O prefeito Valdomiro Lopes (PSB) começou a atacar um dos problemas que vai se transformando na principal bandeira dos adversários: a buraqueira nas ruas e avenidas de Rio Preto. Duas das três últimas postagens dele no Facebook trazem imagens de recapeamento. Seguidores aproveitam para cobrar de Valdomiro que a benfeitoria também seja feita nas regiões onde eles moram. Os pedidos partem principalmente das zonas norte e leste. Detalhe, o prefeito às vezes responde e assume compromissos.

Curso novo - O prefeito Juninho Marão (PSDB) comemora na página pessoal no Face que Votuporanga ganhou mais um curso superior gratuito. O campus do Instituto Federal de Ciência e Tecnologia de São Paulo na cidade vai abrir turma de engenharia elétrica em 2017. 

 

narede13072016

 

 

Junto e misturado - O deputado federal licenciado Rodrigo Garcia, secretário de Habitação do governador Geraldo Alckmin (PSDB), abastece as redes sociais com notícias e imagens sobre o apoio do partido dele, o DEM, à pré-candidatura do neotucano João Doria a prefeito de São Paulo (foto). O empresário e dublê de apresentador de TV é a aposta de Alckmin para derrotar o PT e conquistar a prefeitura paulistana.

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso