X
X

Diário da Região

14/04/2016 - 00h00min

Coluna do Diário

Servidores ameaçam greve a partir do dia 2

Coluna do Diário

Guilherme Baffi A presidente do sindicato, Sanny Braga, fala com funcionários durante assembleia ontem
A presidente do sindicato, Sanny Braga, fala com funcionários durante assembleia ontem

Sindicato dos Servidores de Rio Preto entrou ontem em “estado de greve”. A decisão foi tomada em assembleia à noite, no Clube do Lago. Cerca de cem servidores estavam no evento. O sindicato critica o governo de Valdomiro Lopes (PSB) por falta de reajuste salarial neste ano. A proposta de aumento é enviada ao Legislativo tradicionalmente entre fevereiro e março.

Neste ano, o último do mandato de Valdomiro, o governo não encaminhou a proposta de aumento. E desde do dia 4, segundo a lei eleitoral, o prefeito só poderia propor reajuste com base na inflação acumulada deste ano, que até março estava em 2,6%. O estado de greve, significa que a Prefeitura será notificada sobre a assembleia de ontem e que a categoria pode cruzar o braços a partir do dia 2 de maio, quando será realizado novo encontro.

Para a presidente do sindicato, Sanny Lima Braga, Valdomiro age com “má vontade” em relação ao reajuste. De início, o sindicato defendeu reajuste de 28%. Hoje, querem pelo menos 10,67%, a reposição das perdas inflacionárias em 2015, segundo o IPCA. “A possibilidade de greve existe a partir do dia 2. Vamos comunicar a Prefeitura que os servidores estão em alerta. Ainda aguardamos uma proposta da Prefeitura”, afirmou a presidente. A assessoria do prefeito afirmou ontem que ainda não havia definição sobre o caso. 

 

 

FRASE:

"Segue o mesmo índice oferecido aos servidores municipais no mês de março e conforme orienta a legislação"

José Ricci Jr., prefeito de Mirassol, em nota, sobre o reajuste do salário dele, que agora vai ser maior que o do prefeito de Rio Preto

 

 

Pinato atropela Pauléra no PP

O deputado federal Fausto Pinato entrou chutando a porta no PP e já deu um chega pra lá em Paulo Pauléra, apesar do tempo de militância do vereador no partido, que remonta ao tempo em que Paulo Maluf e Vadão Gomes davam as cartas na agremiação. Pinato negou legenda para jornalista Augusto Fiorin, assessor de Pauléra, ser candidato a prefeito em Bady Bassitt. Segundo teria explicado o parlamentar de Fernandópolis, o PP vai apoiar o candidato que o atual prefeito da cidade, Edmur Pradela (PMDB), escolheu para sua sucessão, o vice-prefeito Luiz Antonio Tobardini (PPS). A Fiorin restou buscar abrigo no nanico PSC para manter a candidatura. 

 

 

 

 

 

Cido Sério - 14042016

 

 

O prefeito Cido Sério (PT) ao anunciar o afastamento dele do cargo em Araçatuba por descumprir decisão judicial para demitir apadrinhados da Prefeitura. No lugar dele, assumiu ontem o vice Carlos Hernandes (PMDB). A solenidade foi em “clima de velório”, segundo a imprensa na cidade

 

 

 

 

 

 

 

NOTAS:

 

Orlando Bolçone - 14042016

 

 

Planeta Bolçone

Enquanto a candidatura dele a prefeito começa a balançar em Rio Preto e no País inteiro só fala em impeachment, o deputado Orlando Bolçone (foto) participou ontem em São Paulo de um referendo no Consulado Geral da Itália. Ele tem dupla cidadania. 

 

 

Com Rillo

Cacau Lopes não se cansa de repetir que não vai ser candidato nada. Isso não significa que vai ficar distante da campanha eleitoral deste ano. Ex-vereador, hoje professor na Famerp, ele revelou ontem que irá apoiar o petista João Paulo Rillo na sucessão do prefeito Valdomiro Lopes (PSB). “Vou ajudar no que for preciso, inclusive aparecer na TV se me chamarem.”

Projeto retalhado

Proposta semelhante a que Dourival Lemes (PSB) apresentou no mês passado em Rio Preto antes de deixar a Câmara foi votada Mirassol, a que proíbe a atividade de carroceiros. Uma emenda de última hora restringiu a proibição só para aqueles condenados na esfera penal ou administrativa por maus tratos contra o animal.

 

 

 

NA REDE:

Dilma e Cunha

O deputado federal Sinval Malheiros (PTN), de Catanduva, também avisa aos amigos de Facebook que é a favor do impeachment da presidente Dilma Rousseff desde criancinha. Ele nega que alguma vez tenha estado indeciso sobre o tema, como diz ter sido acusado pelo movimento Vai Pra Rua. Sinval também pede a cassação do presidente da Câmara, Eduardo Cunho (PMDB-RJ).

 

Aloysio Nunes - 14042016

 

Momento fofo

A cena faz lembrar a frase que um dia deve ter embalado o coração guerrilheiro de Aloysio Nunes (PSDB): “Hay que endurecer, sin perder la ternura”. Na homenagem da mulher, Gisele Sayeg, feita ontem no Instagram em comemoração ao Dia do Beijo, os dois (foto) aparecem em momento de afeto, quebrando um pouco a imagem sisuda do senador, de duro opositor do governo.

 

 

Sozinho

Nem os assessores mais próximos ficaram solidários ao prefeito Valdomiro Lopes em relação ao silêncio dele quanto ao impeachment da presidente Dilma Rousseff. Newton Cesar, diretor da usina de asfalto, postou vídeo ontem no Face para dar “uma aula” sobre o processo. Segundo ele, a petista cometeu, sim, crime de responsabilidade. Na segunda-feira, o partido do prefeito, o PSB, anunciou oficialmente a posição favorável pela deposição de Dilma. A sigala tem 33 deputados.

Política sem pudor

A frase que viralizou ontem nas redes sociais foi a do parlamentar Marco Feliciano (PSC-SP) sobre o colega Eduardo Cunha, o famigerado presidente da Câmara dos Deputados. “Se Cunha é malvado, é meu malvado favorito”, disse o pastor-deputado. 

 

 

CURTAS:

Outra inclusão - O prefeito de Rio Preto, Valdomiro Lopes (PSB), enviou à Câmara outro projeto de inclusão de área ao perímetro urbano. São cerca de 750 mil metros quadrados em área perto de Ipiguá. No local, será construído loteamento com 1,6 mil casas. Em contrapartida, o loteador irá construir duas escolas.

 

Gianpaolo Poggio Smanio - 14042016

 

 

Sem surpresa - A vontade de promotores e procuradores de Justiça de São Paulo foi respeitada pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB), que confirmou ontem Gianpaolo Poggio Smanio (foto) para procurador-geral do Estado. Com 932 votos, ele foi o mais votado em eleição interna entre os colegas de Ministério Público realizada no sábado.

 

 

Vai e volta- O presidente do Tribunal Regional Federal Cândido Ribeiro, atendeu recurso da Advocacia­Geral da União (AGU) e derrubou a decisão que impedia posse do ministro da Justiça, Eugênio Aragão. Na primeira decisão, Aragão foi impedir de ficar no cargo por ser membro do Ministério Público. É um vai e volta sem fim.

Agora é construir - O governo do Estado vai receber em Rio Preto terreno para instalação do Instituto de Criminalística (IC) e Instituto Médico Legal (IML). A doação, feita pela Prefeitura, prevê a transferência de uma área de 5,3 mil metros quadrados na avenida Hubert Richard Pontes. As negociações foram feitas pelo prefeito Valdomiro Lopes e o governador Geraldo Alckmin.

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso