X
X

Diário da Região

07/08/2016 - 00h00min

Deu no jornal

“Presidente da França come no bandejão da vila olímpica!”

“Filha de Obama trabalha em caixa de restaurante!”

São duas manchetes sensacionais? Não, muito melhor, são exemplares. Enquanto isso, autoridades brasileiras desfilam hipocrisia e desfaçatez dignas de quem não tem mérito nem competência para exercer cargos públicos.

Vejam: “Deputado Eduardo Cunha e família fizeram roteiro de realeza nos mais caros restaurantes da Europa!”

“Filha de Dilma tem 8 carros e 16 seguranças à disposição!”

A culpa é deles ou de quem os pôs lá?

Helio Cardoso, Mirassol.

 

Imóveis

Uma mensagem do presidente do Creci-SP serviu de alerta esta semana. O risco de alugar ou vender um imóvel sem a assessoria de um corretor de imóveis é muito grande. Tente se colocar no lugar do proprietário que alugou sua chácara para uma quadrilha que planejou e executou o maior assalto do ano a uma transportadora de valores na região de Ribeirão Preto.

É muito ruim para o dono de um imóvel encontrá-lo danificado, cheio de polícia em total desordem, com sobra de explosivos, munições etc. Sabendo ainda que o imóvel foi usado como "bordel" para os bandidos, com festas regadas a drogas, músicas, bebidas e prostitutas. Fica aí uma dica antes fazer uma locação ou venda de imóvel.

Audinei Lopes Bonfanti, Bálsamo.

 

Trump

A imprensa brasileira, em termos de assuntos internacionais, vem tratando maciçamente das eleições nos Estados Unidos da América deste ano. Na verdade, sobre os candidatos x e y.

Dentre os tantos, no sistema de voto indireto daquele conglomerado de Estados meio que independentes entre si (48 por 2 separados – Alaska e Havaí), onde predomina o poder econômico suplantador de qualquer coisa que possa, de longe, lembrar participação democrática do eleitor, funde-se em dois lados e, portanto, o tal dos democratas e o outro dos republicanos.

Para o mundo deveria prevalecer o tanto faz, e com observância, porém, do histórico de predominância deste ou aquele partido no poder. Ora, importa para os EUA o que compreende após o rio Grande, divisa com o México, e até o Canadá, e do Atlântico ao Pacífico, os interesses internos, somente isso.

Engana-se redondamente quem pensa que qualquer coisa boa pode vir de lá em relação à política internacional.

Para não alongar muito, pensem em três situações dos últimos tempos: Guerra do Vietnã, Guerra do Golfo e Primavera Árabe. Vejam que tanto faz se republicano ou democrata for o presidente norte-americano. Aliás, as maiores e piores consequências recaem a períodos governados por democratas.

Então, menos com a senhora Hillary em detrimento ao outro. E, se os norte-americanos tiverem ou permanecerem com problemas internos, melhor para o resto do mundo que poderá respirar um pouco mais aliviado.

Esqueçam as bobagens de vídeos montados e divulgados na internet e analisem que o perigo maior para o mundo se radica naquela mulher (a senhora Clinton) e não no doido do Trump, como assim se convencionou a dizer por ser passado pela mídia devido algumas de suas escorregadas verbais, todavia.

Uma pequena reflexão a se fazer é sobre a formação do Estado Islâmico, que se deu graças à política desastrada do Obama e a influência dos Clintons – democratas, e começando pela determinação deles para se matar Muamar Kadafi, que para a nossa vergonha, deliberada de dentro do Brasil quando da visita dele aqui; já que diziam, não queria incorrer no erro como em relação ao Saddam Hussein, que o enforcaram quase que com as próprias mãos. Assim, ajudando os assassinos de lá, da Líbia.

Se o Trump ganhar a eleição ele não vai fazer muro algum na divisa com o México, mandar bater em negro e outras coisas bizarras e o establishment norte-americano, através do então todo-poderoso secretário de Estado, seja ele quem for, vai tratar de investir sim, mas em toda parte do planeta, que interessa aos EUA e para obter dividendos, algo que os democratas de plantão quase nunca fazem e ainda ficam nessa de passar imagem de bonzinhos.

João Batista da Silva, Rio Preto.

 

Diversidade

Não sei se dou meus parabéns ou pêsames à Folha pela contratação da nova colunista das terças-feiras, Vanessa Grazziotin, do PCdoB (2/8, “Plebiscito, a melhor saída”).

Divulgar a diversidade de opiniões é salutar para a democracia, enquanto sua morte é faltar com a verdade dos fatos. O fanatismo político é muito mais nocivo do que o religioso. Um plebiscito, sem profunda mudança das atuais normas políticas e eleitorais, levaria ao poder os corruptos de sempre.

Salvatore D’Onofrio, Rio Preto.

 

Bitrem

“Batida envolvendo carro e caminhão de cana mata funcionário da Prefeitura de Nova Aliança” - Diário da Região. Não estou acusando o motorista do caminhão, mas em quase (eu disse quase) todas as saídas que esses caminhões saem ou entram eles não se importam com outros carros. Estou falando alguma mentira? Para ter certeza é só ficar plantão neste local mesmo.

Ademilson Leite, Rio Preto.

 

Desperdício

“Banheiro para passarinho” - Diário da Região - sobre o ônibus big brother de combate ao crack, encostado na praça Dom José Marcondes, sem projeto concluído. O malfadado trem caipira é outro péssimo exemplo de desperdício de dinheiro público.

Antonio Spinoza, Rio Preto.

 

Poluição

“Ar poluído já é ameaça à saúde de rio-pretenses” - Diário da Região. O que Rio Preto está passando uma cidade nos Estados Unidos também passou nos anos 90, foi quando surgiram os primeiros carros elétricos comerciais. Tinha tudo para dar certo, mas o cartel do petróleo ganhou e foi o fim de um novo mundo. Tem uma empresa brasileira que está trabalhando no carro elétrico há um tempo, mas sem nenhum incentivo, aí fica difícil.

Elias Yesterday, Rio Preto.

 

Cartas

As correspondências enviadas para esta seção devem ter o nome legível do autor, RG, foto, profissão, idade e endereço e telefone para confirmação prévia. Para dar oportunidade a um maior número de leitores, as cartas poderão ser resumidas. Os originais não serão devolvidos. As cartas podem ser enviadas da seguinte forma:

1) Pelo correio, endereçadas à avenida Feliciano Salles Cunha, 1.515 - CEP 15035-000, São José do Rio Preto-SP
2) Entregues pessoalmente no endereço acima
3) Por fax - (0xx17) 2139-2090
4) Por e-mail, no seguinte endereço eletrônico: [email protected]

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso