X
X

Diário da Região

26/01/2016 - 00h00min

Painel de Ideias

Sonho. Logo, existo

Painel de Ideias

NULL NULL
NULL

Estou em férias há alguns dias nos Estados Unidos. Basicamente, programas turísticos – por exemplo, parques temáticos da Disney em Orlando. Faz frio. Há brasileiros por todos os lados. Quase sempre, grupos familiares, mas excursões de adolescentes ruidosos e felizes também são comuns. E há os lobos solitários como eu. Pessoas sozinhas, na meia idade, encantadas com a beleza e com a magia dos parques, das filas, da pipoca, dos personagens que há tempos inundam nossas vidas no cinema, na televisão, na literatura. Por que não conheci a Disney antes? Não vim antes por quatro razões bem específicas e, creio eu, bem presentes na vida de todos nós.

1. Outrora, na adolescência, faltou dinheiro. Os negócios de meu pai não prosperaram como ele esperava, e os tempos foram tão difíceis que nem Dickens saberia retratar mesmo após a escrita de Hard Times. Não falo disso com tristeza ou pesar. Eu era feliz. Jogava vôlei, tinha minha mãe, irmãos, amigos, parentes, animais... e lia. Livros do círculo do livro. Falarei sobre isso outro dia. Foram dias de carência. Mas passaram.

2. Depois, faltou tempo em razão da escravidão aos estudos e ao trabalho. Duas faculdades, estágios, várias escolas. Mestrado em Teoria da Literatura. Reuniões, início antecipado de ano letivo, revisões. Tanta cobrança. Tanta entrega. Uma correria desenfreada. E a submissão a pessoas medíocres que não contentes em levar vidas sofridas faziam de tudo para atormentar a alheia. O Brasil precisa rever a estrutura empresarial. E educacional. Liberdade, ainda que tardia, abre as asas sobre mim. Foram dias de tormento. Mas passaram.

3. Também faltou priorizar o parque. Sempre optei por outras paragens. Outras viagens, outros destinos. Achei, inclusive, que estava velho para parques temáticos. Bem, estou velho. Porém, não vou deixar que isso se torne um fator limitante. Acredito até que vou me divertir mais doravante. Foram dias de preocupação etária idiota. Mas passaram.

4. Falta companhia. Minha agenda não bate com a dos amigos mais próximos. Logo, quando há tempo livre, opto por ficar perto deles. Eles também não querem. Ou não podem. Ou não priorizam os parques. Sempre há Paris. Rio. Rancho. Tudo tão urgente. Tão necessário. E as férias se vão. O tempo urge, a vida passa. E eu aprendi a viajar sozinho, na minha companhia. Sou meu amigo. Meu roommate. São dias bons. E vieram para ficar.

Ressalvas feitas, estou nos parques. E parte de mim está feliz. E a outra metade também. Se você leu até aqui, reflita sobre seus sonhos. E busque cada um deles. Vivemos tão pouco para vivermos tristes, pesarosos, escravos de circunstâncias nada edificantes. Tenho em mim muitos sonhos. Tanto já foi feito. Tanto há por alcançar. E você? Faz opções? Opte pela felicidade.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso