X
X

Diário da Região

06/10/2015 - 00h00min

artigo

Quando acaba a confiança

artigo

Atualmente, diante da crise econômica, política e fiscal que assola o país, provocado pelo governo petista durante os últimos 12 anos e 9 meses, os mais conceituados analistas do assunto são unânimes em defender a tese de que a causa fundamental é a perda de confiança da presidente e seus aliados. Perda da credibilidade e respeito, cuja trilogia sagrada renasce do antigo ensinamento da sabedoria popular que é a sinceridade. Enquanto elas estão acabando ou já acabaram, é sinal que a governabilidade do país está comprometida, pedindo providencias profundas, lembrando que a confiança é uma taça de cristal, uma vez trincada, trincada ficará para sempre.

Realmente, é o que está acontecendo em Brasília, onde nossa presidente já deixou de fato o comando do governo, bastando rever e analisar os seus comportamentos confusos, de baixo alcance, condutas dúbias com mentiras e falsas verdades, afastando-se do povo bem demonstrada pelos tapumes de separação durante a parada militar, além de inúmeras pedaladas que só provocam revoltas populares. Dizem que não roubou, mas permitiu que roubassem, o que é pior.

Em país sério, era de se esperar a sua imediata cassação patriótica pelo Congresso Nacional. Entretanto, o Legislativo não oferece também credibilidade, o que nada poderá acontecer, mesmo com os partidos PT, PMDB e PP, majoritários, cujos parlamentares envolvidos na Operação Lava Jato, inclusive o próprio Eduardo Cunha, não oferece sustentação moral e cívica para cassá-la, preferindo ficar como está para não piorar o que está ruim.

Diante deste cenário frágil do Congresso Nacional, a presidente vai ganhando tempo para moldar a sua blindagem, já nomeando rapidamente Joaquim Levy, diretor de banco, como novo Ministro da Fazenda para elaborar um projeto arrojado de recuperação rápida da economia no país, que ficou em frangalhos, com inflação e desemprego em altos níveis, comprometendo todo o Estado brasileiro no cenário mundial e, com grande possibilidade de recriar a CPMF. Sem perder tempo, está fazendo a habitual tática do PT para se perpetuar no poder, com troca de gentilezas entre os parlamentares e assim garantir o bloqueio de qualquer pedido de sua cassação.

Porque com o Judiciário está garantida, mormente agora que o STF está descentralizando as ações judiciais da Lava-Jato, do nosso herói brasileiro Sérgio Moro, para outras instâncias, o que poderá evitar ou postergar o indiciamento de Eduardo Cunha, ficando ileso, desde que trabalhe para evitar qualquer pedido de impedimento dela.

Como em política tudo pode acontecer, e o ditado popular diz que quem está afogando, perna de sapo é raiz, ela está providenciando a reforma ministerial e oferecendo, de bandeja, sete ministérios ao PMDB, inclusive o da Saúde, com o único objetivo também de conquistar seus parlamentares para serem leais e agirem contra qualquer pedido de cassação dela, agora sob a coordenação de seu guru, para conter a fúria já esperada do PT. Na verdade se percebe que o PMDB de Michel Temer deseja mesmo é governar no futuro, esquecendo-se que é também farinha do mesmo saco.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso