X
X

Diário da Região

01/01/2016 - 00h00min

artigo

Ano Novo, velhos vícios!

artigo

NULL NULL
NULL

2015 nos deixa sem um pingo de saudade. A Operação Lava Jato está fazendo aflorar toda a podridão que se escondia nos meandros do poder executivo e parlamentar, ao nível federal, estadual e municipal, em conluio com empresários, banqueiros, marqueteiros, lobistas da pior espécie. Que democracia é essa que permite o assalto ao erário público de uma forma permanente e generalizada? Os políticos dos altos escalões, acobertados por magistrados nomeados por Presidentes da República, consideram as falcatruas como legais, pois feitas conforme leis por eles mesmos redigidas para amparar benefícios e mordomias. Será que tudo o que é legal é moral? Uma lei, para ser eticamente válida, tem que ser justa e útil, visando o bem da coletividade e não de corporações. Ninguém, nunca, poderia legiferar em causa própria!

Infelizmente, corrupção e autoritarismo são costumes políticos profundamente enraizados no Brasil, desde a época colonial, sendo uma herança do nepotismo português e da cultura escravagista. Esperávamos que, com a chegada ao poder do Partido dos Trabalhadores, finalmente nossa Nação conseguisse alcançar um nível de democracia semelhante ao de países civilizados. Ledo engano! O sindicalista Lula, ao assumir a Presidência, em lugar de promover um projeto de País justo, se preocupou em aquinhoar seu partido para ficar decênios no poder. Astutamente, deu esmolas aos mais pobres para conseguir votos, agradou os mais ricos (banqueiros e grandes empresários), permitindo licitações ilícitas para apoio logístico, e os parlamentares de vários partidos com a distribuição de cargos públicos sem necessidade de comprovar competência. O resultado foi que, em poucos anos, enquanto ele, seus filhos e parentes, apadrinhados e chefões do PT se tornaram milionários, o Estado brasileiro e suas empresas, especialmente a Petrobrás, entravam na falência: o déficit acumulado se aproxima de R$ 120 bilhões.

O que mais ofende brasileiros que têm consciência política é a postura arrogante e autoritária do governo petista. Lula, feito rei ou ditador, indica Dilma Rousseff como sua sucessora na Presidência da República e Fernando Haddad como prefeito da maior cidade do País, por vontade própria, sem nenhuma consulta partidária. Simplesmente, ele se tornou o dono do PT e do Brasil. Haddad, por sua vez, seguindo o exemplo de seu mentor, recentemente, após a filiação da ex-petista Marta Suplicy ao PMDB para disputar contra ele a Prefeitura de São Paulo, exonera de cargos municipais dúzias de filiados ao PMDB para evitar que fossem cabos eleitorais de sua rival nas eleições de 2016. A mordaça aplicada ao Leão da Receita Federal, que pode rugir para baixo e nunca para o alto, é apenas um aspecto da nossa falsa democracia, que divide a Nação em duas classes: a dos poderosos, defendidos por normas discricionárias, e a dos trabalhadores da classe média, sobre os quais recai todo o rigor da lei. Acrescentem-se privilégios e mordomias, como foro privilegiado, 14º salário, dois meses de férias por ano, imunidades, auxílios de moradia, de comida, de locomoção, de paletó. Como se o mortal comum não devesse tirar do seu salário o dinheiro para moradia, comida, transporte, mesmo ganhando menos do que qualquer burocrata federal ou estatal. Mudar isso só com uma reforma constitucional, pois a Carta Magna de 1988 se tornou obsoleta. Que os movimentos populares pensem nisso!

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso