X
X

Diário da Região

09/04/2016 - 00h00min

Artigo

59 anos de lutas e conquistas

Artigo

NULL NULL
NULL

Neste mês de abril o Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas – Ibilce, câmpus da Unesp em São José do Rio Preto completa 59 anos de contribuição ao ensino, pesquisa e extensão não só para nossa cidade, para o Brasil e para a comunidade científica internacional.

A proposta do que hoje é o Ibilce nasceu como UMURP – Universidade Municipal de São José do Rio Preto em 1955, mas acabou não se efetivando por não atender às normas de uma universidade. Dois meses depois, foi criada a Fafi (Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras), tendo seu funcionamento autorizado em 27/02/1957. A aula inaugural, em 10/04/1957, foi no Cine Rio Preto, que ficou totalmente tomado pela comunidade rio-pretense e por destacadas autoridades da época.

O início das atividades da FAFI se deu no Instituto de Educação “Monsenhor Gonçalves”, com apenas quatro cursos de graduação: Letras Neolatinas, Letras Anglo-Germânicas, Pedagogia e História Natural. Rapidamente, a faculdade cresceu e transferiu parte de sua atividade para um prédio em frente ao “Monsenhor Gonçalves”.

Em 1959, após reivindicações da comunidade acadêmica, a faculdade municipal foi estadualizada pelo então governador, Jânio Quadros.

De 1960 a 1974, a FAFI realizou suas atividades no prédio da Rua General Glicério, atualmente ocupado pela Secretaria Municipal de Educação. E, desde 1974, ocupa um prédio de arquitetura clássica, construído para abrigar o Seminário Diocesano de Rio Preto e comprado pelo Estado.

Em 1976, com a junção de 14 Institutos Isolados, dentre os quais a FAFI, foi criada a Unesp, atualmente com 34 unidades distribuídas em 24 municípios. Rebatizado como Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas, o Ibilce abriga as três grandes áreas do conhecimento em uma única unidade administrativa, pela qual circulam mais de 4 mil pessoas. Conta com 11 cursos de graduação, 12 programas de pós-graduação e mais de 3 mil alunos. Os 231 docentes, apoiados pelos 210 servidores técnico-administrativos, realizam atividades que movimentam a economia, a cultura e a política de toda a região e oferecem atividades de extensão às comunidades interna e externa.

Nossa instituição, Umurp – Fafi - Ibilce/Unesp, é marcada pelas lutas e conquistas políticas da região. Resgatar a história deste instituto significa reverenciar os rio-pretenses idealistas da década de 1950, que sonharam em instalar uma universidade pública, gratuita, de qualidade em uma cidade do interior, a mais de 400 km da capital, capaz de atender ao anseio da sociedade. O sonho tornou-se realidade, pautado na perseverança de um ideal e no comprometimento com a formação acadêmica de seus jovens.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso