Hábitos simples podem prevenir problemas físicos e emocionaisÍcone de fechar Fechar

Saúde e Beleza

Hábitos simples podem prevenir problemas físicos e emocionais

Especialistas dão dicas de como incluir hábitos simples na rotina que podem prevenir uma série de problemas físicos e emocionais e garantir uma vida mais saudável


    • São José do Rio Preto
    • máx 32 min 18

Quando ouve-se a palavra "autocuidado", muitos pensam em um banho de banheira e passar alguns dias no spa, mas a verdade é que praticar o autocuidado é muito mais do que isso. Em poucas palavras, o autocuidado nada mais é que qualquer ação que você tome em prol da sua saúde emocional e física. E destinar atenção para si é mostrar que você é digno de seu tempo, e merece um bem-estar.

A atenção que damos a aspectos simples de nossa rotina, como o cuidado que temos com nosso cabelo, pele e vestimentas é de extrema importância. Ao contrário do que muitos possam pensar, são nas pequenas ações que o autocuidado se inicia e acaba se tornando uma rotina. Em outras palavras, autocuidado não se trata de algo apenas físico, mas também emocional. Nesses casos, a mente assume o papel principal quando falamos sobre o assunto.

Luciana Vera Crepaldi, é psicológica gestalt-terapeuta e explica que ao criar uma rotina com autocuidados, melhoramos nossa qualidade de vida e nos sentimos mais realizados. "Quanto mais praticamos o autocuidado, melhor é a autoestima e até o nosso humor passa a mudar. Ficamos mais felizes e realizados. Além disso, conseguimos aquele 'gás' para continuarmos a fazer tudo aquilo que planejamos, sem perder a vontade", diz.

A psicóloga afirma também que é possível iniciar um autocuidado com atitudes simples. Uma das mais importantes é aprender a dizer não, além disso, a profissional também cita resgatar um hobby e tirar um tempo para si. "É necessário definir o que é prioridade e o que pode ficar para depois. Nem toda a tarefa que te atribuem precisa ser feita imediatamente, algumas não dependem só de você, podem ser delegadas. Conheça seus limites e aprenda a dizer não!", explica.

A nutricionista Laíz Ferreira Minas explica que, em relação a cuidados com o corpo, ter uma alimentação saudável é fundamental para a manutenção da saúde, e que alguns cuidados do dia a dia podem fazer a diferença. 

Além de preferir alimentos orgânicos e incluir óleos essenciais na rotina de alimentação, a nutricionista destaca ainda o cuidado com o excesso de sal na preparação das refeições e sugere a substituição dele por temperos naturais. "Nós sabemos que o sal tem a preferência dos brasileiros, porém, o sal rosa pode, e deve, ser o substituto para o sal branco convencional. O excesso de sódio, que é o principal componente do sal, eleva a pressão arterial, aumenta o risco de doenças cardiovasculares, causa problemas no estômago e dificulta a perda de peso. Substituir esse componente por temperos, como: alecrim, cominho e coentro evita a propensão dos problemas citados", afirma.

Adriana Caldas, que é médica dermatologista, complementa que o autocuidado é importante, principalmente quando se trata da pele. Para ela, fazendo alguns autocuidados, estamos preservando a nossa pele do envelhecimento e até mesmo do câncer de pele. Para ajudar com esse cuidado, a dermatologista indica usar hidratante corporal e facial diariamente, fazer o autoexame de pele, para verificar a ocorrência de lesões suspeitas, e, em especial, usar filtro solar diariamente.

Adriana explica que devemos utilizar um filtro solar com Fator de Proteção Solar (FPS) 30 ou mais todos os dias, antes de sair de casa, portanto devemos aplicar cedo e reaplicar na hora do almoço, já que a duração do protetor solar tem, em média, quatro horas. "Muitas vezes pensamos que não tomamos sol no dia a dia, mas isso não é verdade! Tomamos sol durante todo o dia, quando atravessamos uma rua no horário do almoço ou dirigimos nos horários de sol. Durante o dia estamos expondo nossa pele aos efeitos da radiação solar, e as consequências podem ser desde rugas a manchas na pele. Até mesmo o câncer de pele", conclui.

(Colaborou Yasmin Lisboa)

 

Prefira alimentos naturais e orgânicos

  • O consumo frequente de alimentos industrializados, associado ao baixo consumo de frutas, verduras e legumes, prejudica o sistema imunológico e favorece o surgimento de inflamações no organismo, assim aumentando as chances do desenvolvimento de doenças como obesidade, diabetes e câncer
  • Evite o consumo de alimentos que possuem cores fortes, derivados de corantes, aromatizantes e conservantes, como sucos de saquinho, gelatina, salame, salsicha, molhos prontos, frituras e refrigerantes. Se possível, dê preferência aos alimentos orgânicos e naturais, são esses que contribuem para o bom funcionamento do corpo

Inclua o consumo de óleos essenciais na sua rotina

  • Estudos já comprovaram que os óleos essenciais protegem a saúde a longo prazo, aliviam dores, reduzem processos inflamatórios, auxiliam na cicatrização e melhoram o humor, a ansiedade e a insônia
  • À base de plantas, e por meio do aroma e partículas liberadas, os óleos estimulam diferentes partes do cérebro, o que promove o relaxamento do sistema nervoso, equilibrando assim o corpo e a mente
  • Há diversas fragrâncias e cada uma delas tem um benefício específico. As formas de uso também são diversas, como por exemplo uso tópico, via oral e inalação por meio de difusores

Use hidratantes

  • É necessário utilizar hidratante corporal e facial diariamente. Quando usamos hidratantes específicos para o nosso tipo de pele, é necessário que cada um saiba qual é o seu, estamos dando a nutrição que a nossa pele precisa para ter um aspecto mais saudável

Realize autoexame

  • Podemos realizar um autoexame de pele para verificar a ocorrência de lesões suspeitas. Devemos fazer esse autoexame, pelo menos, a cada três meses. É preciso avaliar todo o corpo - até mesmo couro cabeludo e região genital - e observar se há alguma pinta ou "feridinha". Ao sinal de qualquer lesão suspeita, deve-se procurar um dermatologista para um exame mais detalhado

Tire um tempo para si

  • As pessoas têm o costume de pensar em todos: a família, os amigos, os colegas de trabalho, mas, geralmente, na correria do dia a dia, aquele tempo tão precioso que separamos para nós nunca acontece. Coloque em sua agenda aquele tempo só para você. Faça uma atividade física, vá ao médico, tire um tempo para descansar

Resgate um hobby

Sabe aquela atividade que você adora fazer e que há muito tempo não faz mais? Não a deixe de lado, procure um tempinho para ir ao cinema, ver uma peça, ler um livro, caminhar em um parque, andar de bicicleta. Tente construir uma frequência para adequar essas ações à rotina

Fonte: Da Reportagem