Prefeito de Rio Preto decreta estado de emergência e manda fechar comércio Diário da Região - Saúde

Diário da Região

    • São José do Rio Preto
    • máx 31 min 21
20/03/2020 - 17h32min

CORONAVÍRUS

Prefeito de Rio Preto decreta estado de emergência e manda fechar comércio

Edinho determinou que a partir de segunda-feira, 23, fiquem abertos apenas serviços essenciais, como supermercados e farmácias. Cidade tem 60 casos suspeitos de coronavírus e dois positivos

Guilherme Baffi 20/12/2019 Prefeito de Rio Preto, Edinho Araújo
Prefeito de Rio Preto, Edinho Araújo

O prefeito Edinho Araújo informou, em coletiva de imprensa nesta sexta-feira, 20, que Rio Preto tem 54 casos suspeitos de coronavírus. Outros dois tiveram resultados positivos e 10 foram descartados. Devido ao avanço da doença, o prefeito decretou estado de emergência em saúde. O decreto será publicado no Diário Oficial do Município.

O poder público determina, também, o fechamento de todos os serviços considerados não essenciais. "Decidimos em comum acordo com entidades patronais e empregados recomendar o fechamento de todos os estabelecimentos considerados não essenciais a partir de 21 de março. Obrigatoriedade a partir de segunda-feira, 23", afirmou Edinho.

O decreto foi assinado pelo prefeito Edinho Araújo e poderão ficar abertos apenas serviços como farmácias e supermercados. Inicialmente, a medida é válida para 15 dias.

O prefeito afirmou ainda que determinou ao Semae que suspenda a cobrança de tarifa de água na faixa social, de menor renda, por 90 dias. A medida deverá beneficiar mais de 15 mil pessoas de baixa renda. O corte da água também estará suspenso por 60 dias a partir de segunda-feira.

O transporte coletivo vai operar, a partir de segunda-feira, 23, com número reduzido de ônibus, horários praticados aos sábados. Os servidores públicos poderão operar em regime de teletrabalho ou em formato de rodízio.

Posicionamento da Acirp

O comércio da cidade de São José do Rio Preto será paralisado a partir desta segunda-feira, 23 de março, por força de um decreto municipal a fim de conter a propagação do novo coronavírus. A medida foi assinada na tarde de hoje no gabinete do prefeito junto a lideranças da Acirp, Sincomercio, Sincomerciários, representantes de shopping centers e empresários.

A medida contempla todos os estabelecimentos de atendimento ao público que não contenham produtos ou serviços essenciais no município. As exceções ficam por conta de farmácia, drogarias, supermercados, revendas de gás e postos de combustível.

A recomendação da Acirp é que as atividades sejam suspensas a partir deste sábado, 21, para aqueles que já estão previamente organizados. A partir de segunda-feira, 23, o fechamento é obrigatório.

“Um problema com o tamanho, complexidade e gravidade da doença causada pelo coronavirus, tem que ser enfrentado com união e coragem. O drama vivido por outros países onde ele já se instalou mostra que a vida das pessoas é prioridade. Para preservar a saúde de empresários, seus colaboradores e da população em geral, é preciso reduzir a aglomeração de pessoas e evitar o contágio. Por isto, concordamos com que se faz necessário o fechamento temporário dos estabelecimentos empresariais da cidade, contribuindo para a efetiva redução da circulação do Covid19, de tal modo que o desarranjo econômico, que virá de qualquer jeito, possa começar a ser corrigido mais rapidamente, com o mínimo de sofrimento humano possível”, comenta o presidente da Acirp, Paulo Sader.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Diário da Região

Esperamos que você tenha aproveitado as matérias gratuitas!
Você atingiu o limite de reportagens neste mês.

Continue muito bem informado, seja nosso assinante e tenha acesso ilimitado a todo conteúdo produzido pelo Diário da Região

Assinatura Digital por apenas R$ 1,00*

Nos 3 primeiros meses. Após o período R$ 19,00
Diário da Região
Continue lendo nosso conteúdo gratuitamente Preencha os campos abaixo e
ganhe + matérias!
Tenha acesso ilimitado para todos os produtos do Diário da Região
Diário da Região Digital
por apenas R$ 1,00*
*Nos 3 primeiros meses. Após o período R$ 19,00

Já é Assinante?

LOGAR
Faça Seu Login
Informe o e-mail e senha para acessar o Diário da Região.

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por Você para acessar o Diário da Região.