Para entrar numa friaÍcone de fechar Fechar

SUÉCIA

Para entrar numa fria

Hotel recém-aberto no Lago Lule incorpora paisagem 'gelada'


    • São José do Rio Preto
    • máx 32 min 18

Uma estrutura circular de madeira flutuante que, no inverno, fica cercada de gelo no Lago Lule, na Suécia. Assim é o Arctic Bath, novo hotel de luxo que abriu as portas no último dia 5, no norte do país. Os 12 quartos ficam espalhados pelas margens do rio e à beira d'água, com belas vistas, tanto para o lago quanto para o céu. O interior das suítes tem decoração minimalista. Além das acomodações, o empreendimento conta com um spa.

São seis cabines de madeira de inspiração escandinava flutuantes, todas construídas com materiais naturais e sustentáveis, que "pousam" sobre a água durante o verão ou ficam congeladas nos meses de inverno. As estruturas apresentam grandes paredes de vidro, bem como deques de madeira ao ar livre para apreciar a paisagem, que é incrível.

Segundo os idealizadores, o hotel foi projetado para se parecer com um conjunto de troncos deixados à deriva na água.

A piscina do lado de fora não é aquecida. O objetivo é mesmo "tomar um banho de gelo", diz Peter Engström, dono do empreendimento. Segundo ele, a experiência é um dos principais atrativos do hotel, mesmo que os hóspedes se assustem com a ideia: "Cinquenta por cento dos hóspedes que chegam aqui dizem: 'Nunca farei isso', mas pelo menos 90% acabam tomando banho", afirmou ele ao site da CNN americana.

As atividades oferecidas incluem ainda ioga, meditação e atividades ao ar livre, como observação de ursos, passeios a cavalo e cursos de fotografia da vida selvagem. A região ao norte do país também é o local ideal para observar o fenômeno natural conhecido como Aurora Boreal.

Fica localizado a cerca de uma hora e 15 minutos do Aeroporto de Lulea, na cidade de mesmo nome. A diária no Arctic Bath é de cerca de US$ 900, por casal.