Romance e adrenalinaÍcone de fechar Fechar

ESTADOS UNIDOS

Romance e adrenalina

Em Park City, há opções para relaxar ou se aventurar


    • São José do Rio Preto
    • máx 32 min 18

Ao escolher onde se hospedar em Park City, deve-se levar em consideração o que priorizar nos dias de passeio. O transporte dentro da cidade não é problema, e sequer é necessário alugar carro. A prefeitura subsidia um sistema de ônibus gratuito que conecta toda a cidade, incluindo até as estações de esqui e os outlets, a cerca de dez minutos da Main Street.

É justamente nos arredores da charmosinha avenida principal que ficam restaurantes e diversos hotéis e condos, as casas para aluguel por temporada. Quase todas têm vistas incríveis para as montanhas e são muito fáceis de encontrar por meio da The Park City Lodging.

Um pouco mais afastados ficam os lodges e hotéis cinco estrelas com spas. Se a intenção é fazer uma espécie de lua de mel, a cidade oferece há cerca de dois anos uma excelente opção no The Lodge at Blue Sky. Quartos aconchegantes, espaçosos e com vista para a montanha nevada são um belo atrativo, mas o restaurante e, sobretudo, o spa ganham o turista. Quem não gosta de esquiar pode passar dias inteiros apenas na propriedade Blue Sky Ranch em meio às atividades oferecidas.

No spa, uma das grandes novidades é a massagem com óleo medicinal de canabidiol. "Todos elogiam muito a sensação de relaxamento que a massagem proporciona. É uma das mais pedidas", conta a gerente Shena Jeffs.

Casais podem fazer massagem lado a lado e também curtir um tempo de relaxamento dos músculos na hot tub, banheira de água quente com bela vista para as montanhas nevadas de Park City. Quem quiser casar no local e ter uma completa experiência de lua de mel pode alugar um chalé no topo da montanha e ter um tratamento todo exclusivo. 

Se a ideia é aproveitar a neve, Park City é hoje o maior resort de esqui dos EUA. São mais de 340 pistas. Há duas grandes estações de esqui de padrão mundial: Deer Valley e Park City Mountain. A grande novidade do inverno 2019/2020 é a abertura do Woodward Park City's Action Sports Center, um complexo de prática de esportes radicais.

Nele, pode-se optar por esquiar, se quiser, mas também só brincar na neve por meio do tubing. A atração consiste em escorregar na neve sentado numa boia. Parece bobo, mas é bastante divertido. Famílias com crianças pequenas ainda podem aproveitar todos os espaços para prática de esportes na área interna. Há pistas de skate e bike para treinar acrobacias e até uma área com aparelhos de ginástica olímpica, que contam com instrutores. Há passes diários por preços que variam entre U$ 60 e U$ 84, conforme as promoções do dia.

O visitante de Park City também pode visitar o Parque Olímpico de Utah, construído para os Jogos Olímpicos de Inverno de 2002. Os mais corajosos têm a chance de experimentar aquilo que só viram pela TV: o bobsled, esporte no qual equipes de duas ou quatro pessoas descem, de trenó, numa pista de gelo sinuosa, estreita e veloz.