Governo já admite adiar Plano DiretorÍcone de fechar Fechar

COLUNA DO DIÁRIO

Governo já admite adiar Plano Diretor

Secretário de Governo afirma que decisão será dos vereadores, que se dividem sobre o tema


    • São José do Rio Preto
    • máx 32 min 18

A equipe de governo do prefeito de Rio Preto, Edinho Araújo (MDB), já admite que a votação do projeto de revisão do Plano Diretor pode ser adiada para depois da eleição de outubro. A proposta, que tem sido discutida pelo governo desde 2017, inclusive com audiências com moradores de dez regiões, sequer chegou à Câmara e já encontra resistência.

Na sessão de terça-feira, 11, o tema dividiu vereadores. Alguns afirmam que o debate do projeto, que versa sobre temas como uso e ocupação do solo, liberação de alvará para empresas e ainda horário de funcionamento no comércio deveria ter ocorrido antes. Afirmam que o processo eleitoral pode tumultuar essa votação na Casa.

O secretário de Governo, Jair Moretti, disse nesta quinta, 13, que a meta é encaminhar a proposta até o final do mês, mas que a votação e, inclusive, alterações no projeto seguirão o ritmo dos vereadores. "O governo pretende enviar neste mês ainda. Mas se vereadores decidiram alterar o projeto ou protelar a votação é questão do Legislativo. Pode acontecer", disse o secretário.

Um dos impasses é sobre horário do comércio. O projeto, que pode ser consultado no site da Prefeitura de Rio Preto, prevê funcionamento livre aos domingos, por exemplo. A proposta foi contestada pela vereadora Márcia Caldas (PPS), que recebeu apoio do deputado federal Luiz Motta (PL), presidente do sindicato dos comerciários.

"O projeto pode ser alterado. Essa questão está em aberto. Isso pode acontecer também por vereadores", afirmou o secretário.

Visita

Nesta quinta-feira, 13, o secretário de Planejamento, Israel Cestari, se reuniu com o promotor de Justiça Carlos Romani para fazer uma apresentação "vip" sobre o novo Plano Diretor da cidade. Romani tem procedimento instaurado para acompanhar as propostas apresentadas no estudo.

"Esse novo Plano Diretor, na verdade, atualiza o anterior e, em muitos casos, colocará Rio Preto num plano muito melhor nas próximas décadas, caso seja efetivamente respeitado e cumprido", afirmou Romani.

Divulgação

Presente na obra

Prefeito de Rio Preto, Edinho Araújo (MDB), apareceu de surpresa no Mercadão nesta quinta-feira, 13, para acompanhar o andamento das obras de revitalização que estão sendo executadas no local. Edinho (foto) visitou comerciantes acompanhado do secretário de Cultura, Pedro Ganga. Internautas que viram a publicação feita pelo prefeito nas redes sociais cobraram a presença dele em bairros da cidade.

Metrópole

A criação da região metropolitana de Rio Preto avança no governo estadual. O tema foi discutido entre o secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, e o deputado estadual Itamar Borges (MDB). O projeto deve caminhar ainda neste semestre.

Descarte

Decreto de Bolsonaro coloca Rio Preto entre as cidades que devem implantar sistema de descarte de produtos eletroeletrônicos. Ou seja, a cidade deve separar baterias, pilhas e pneus.

O prazo para a implantação é de cinco anos.

 

Corredores de ônibus - O presidente da Câmara, Paulo Pauléra (PP), se reuniu com o secretário de Trânsito, Amaury Hernandes, e discutiu sobre a recolocação de ponto de ônibus na região do supermercado Pastorinho. "A nossa cidade é comercial e precisamos de gente naquela região", disse Pauléra. O vereador quer reavaliar ainda a manutenção de corredores de ônibus na cidade. "No parking, no shopping", disse Pauléra em inglês ao se referir que "sem estacionamento, não há compras".

Agentes - A Prefeitura de Rio Preto ainda não concluiu concursos para 551 vagas, sendo a maioria para a Saúde. A demora já provoca questionamentos na Câmara. O vereador Celso Peixão (PSB) apresentou requerimento em que pede informações ao município sobre a previsão de contratação de 140 agentes de saúde. O processo seletivo aberto, no ano passado, ainda não foi concluído. Nem o concurso para contratar médicos foi homologado.