FPF afasta arbitragem de SP x TigreÍcone de fechar Fechar

PAULISTÃO

FPF afasta arbitragem de SP x Tigre


    • São José do Rio Preto
    • máx 32 min 18

A Comissão de Arbitragem da Federação Paulista de Futebol (FPF) decidiu afastar de suas funções o árbitro e os auxiliares do jogo entre São Paulo e Novorizontino. A partida terminou empatada por 1 a 1 na noite de segunda-feira, 3. O São Paulo teve dois gols mal anulados, ambos feitos por Alexandre Pato, além de dois pênaltis não marcados. A FPF classificou os erros como "inaceitáveis".

Após a partida, o diretor de futebol Raí já havia entrado em contato com a FPF para reclamar. Na manhã desta terça, a entidade divulgou nota oficial para informar as medidas tomadas. Os membros da arbitragem "passarão por reciclagem, com apoio psicológico, técnico e físico".

Quem apitou a partida foi o juiz Flávio Roberto Mineiro Ribeiro, auxiliado por Vitor Carmona Metestaine e Enderson Emanoel Turbiani da Silva. Não há VAR (árbitro de vídeo) nesta fase do Campeonato Paulista. O Novorizontino abriu o placar no Morumbi, com Higor Leite. O São Paulo conseguiu o empate nos minutos finais, com Brenner. O jogo foi válido pela quarta rodada do Paulistão.

"Foram identificados quatro erros capitais na arbitragem da partida: dois gols mal anulados e dois pênaltis não marcados, todos a favor do São Paulo", diz a nota da FPF, informando que o trio pediu desculpas pelos erros. "Todos os membros da equipe passarão por reciclagem, com apoio psicológico, técnico e físico."

A nota termina com um pedido de desculpas a torcedores, jogadores e comissões técnicas. "Lamentamos os erros cometidos por esses profissionais. Reiteramos que a Comissão de Arbitragem da FPF trabalha para que as partidas ocorram com a menor interferência da arbitragem, apenas para mediar um grande espetáculo: o futebol protagonizado por seus atletas. Erros eventuais acontecem com todos. Mas erros crassos não são admitidos e deverão ser corrigidos."

Santos

Ao mesmo tempo em que oscila no início da temporada, o Santos convive com uma incerteza que causa preocupação. Destaque do time em 2019, o atacante Soteldo não tem continuidade garantida no clube por estar na mira do Atlético Mineiro. O tema, evidentemente, foi comentado na entrevista coletiva do lateral-direito Pará, nesta terça.

Soteldo ainda não atuou pelo Santos em 2020 por ter sido convocado para defender a seleção sub-23 da Venezuela no Pré-Olímpico. "É um atleta que dispensa comentários, um cara que desequilibra. Não sei o que se passa, se vai sair, não toco nesse assunto. Vejo ele dando risada, então acho que está focado aqui e espero que a gente faça um grande ano com ele na equipe", disse.

Com sete pontos, o Santos lidera o Grupo A do Paulistão e voltará a jogar na segunda-feira, quando receberá o Botafogo de Ribeirão Preto.