Sesc discute a diversidade dos corposÍcone de fechar Fechar

SEM PADRÕES

Sesc discute a diversidade dos corpos


    • São José do Rio Preto
    • máx 32 min 18

O Sesc Rio Preto dá início, nesta terça, 4, à programação do Corpos Dissidentes, projeto que vai ao encontro dos corpos marginalizados pelos padrões estéticos da sociedade, propondo a criação de um espaço de discussão e reflexão sobre as várias configurações dos corpos e do estabelecimento de uma relação saudável com ele.

A programação tem início nesta terça, 4, às 19h, com uma aula aberta de Ioga para Todos, conduzida pela ativista e militante antigordofobia Vanessa Joda. No encontro, ela resgata a essência dessa filosofia de vida, ou seja, da união entre corpo e mente, e propõe que a prática da modalidade deve ser experienciada por todos, criando-se assim um espaço seguro e democrático, que sai do recorte estereotipado em que só corpos brancos, magros e flexíveis, dotados de recursos financeiro ou social podem se integrar à prática.

Após a aula, às 20h30, Vanessa se junta à fotógrafa Bruna Ferreira para um bate-papo sobre a temática, "Outros Corpos: Saúde, Ativismo e Autoestima". O encontro parte de experiências pessoais das convidadas para refletir e discutir sobre os impactos de um padrão corpóreo saudável e bonito sobre a autoestima de pessoas que não correspondem a esta normatização.

As atividades do projeto Corpos Dissidentes seguem até domingo, e, ao longo desse período, Bruna também promove a intervenção "Uma Foto para Todo o Corpo", na qual retrata mulheres sem seguir estereótipos pré-definidos pela sociedade.