Grupo Diário da Região   | segunda-feira, 03 de fevereiro
IMG-LOGO
Home MarcoOlyntho

Saúde dos olhos também deve ser uma preocupação na volta às aulas das crianças

Núcleo Digital - 01/02/2020 00:00

Além de curtir as férias, o início do ano é um período de preparação para a volta das atividades escolares. As crianças aguardam ansiosas para as compras do tão esperado material escolar.

Enquanto isso, os pais se preocupam com a matrícula, uniformes e outras despesas. No entanto, preocupações com a saúde ocular das crianças devem ser inseridas na lista. Isso inclui a saúde da visão!

Segundo o Ministério da Educação (MEC), 23% da dificuldade escolar são ocasionados justamente pela dificuldade que os alunos têm de enxergar. As principais doenças oculares em crianças e adolescentes são: miopia, estrabismo, astigmatismo e hipermetropia. A prevenção desses problemas e o tratamento adequado é fundamental para o bemestar físico, psicológico e social dos nossos estudantes.

A primeira medida que deve ser adotada é ficar literalmente de olho bem vivo nos sinais. Preste atenção no rendimento escolar da criança ou adolescente e o desempenho em sala de aula. Se houver queixa de ardência nos olhos com frequência, dificuldade de enxergar as informações contidas no quadro ou ficar com a vista cansada e embaçada ao ler livros e revistas, certamente há algo errado com a visão.

O ideal, nesse caso, é procurar ajuda oftalmológica. Leve seu filho ao oftalmologista com frequência e boa volta às aulas!

 

Por Dr. Marco Olyntho

Diretor Clínico - Clínica Olyntho

Cremesp 92737 / RQE 31927

Editorias:
MarcoOlyntho
Compartilhe: