São Paulo vence e acaba com jejumÍcone de fechar Fechar

NO MORUMBI

São Paulo vence e acaba com jejum


    • São José do Rio Preto
    • máx 32 min 18

O São Paulo fez a lição de casa, bateu o Vasco por 1 a 0, pela 35ª rodada do Brasileirão, e abriu quatro pontos do Corinthians para ficar com a última vaga na fase de grupos da Copa Libertadores do próximo ano. Em uma partida que teve protesto de parte da torcida contra o presidente Leco e a diretoria tricolor, o time venceu e chegou a 57 pontos, na sexta posição.

Antes do jogo começar houve um minuto de silêncio em homenagem ao apresentador Gugu Liberato, que faleceu na sexta-feira, e ao ex-técnico Cilinho, que morreu nesta quinta-feira. Ele treinou o São Paulo na década de 1980 e foi um dos responsáveis por formar a equipe que ficou conhecida na época por "Menudos do Morumbi" e conquistou o Campeonato Paulista em 1985.

Com bola rolando, logo aos 5 minutos, Pablo tentou dominar a bola perto da área adversária, mas ela sobrou para Antony, que mandou no canto do goleiro vascaíno. O gol deu uma tranquilidade ao São Paulo, que diminuiu o ritmo. No lado do Vasco, o time pouco produzia. Com Marrony isolado na frente, a bola quase não chegava à frente e a defesa do São Paulo levava a melhor. A melhor chance dos visitantes foi aos 30 minutos, com Guarín, que cobrou falta, mas o goleiro Tiago Volpi segurou com tranquilidade.

Nos acréscimos do primeiro tempo, Marcos Júnior acabou se chocando com Tiago Volpi, caiu no chão e ficou desacordado por alguns segundos. Ele acabou se recuperando, mas por precaução foi substituído por Ribamar. Ele deixou o gramado andando e foi para o hospital para exames.

Na etapa final, o Vasco voltou um pouco melhor e o São Paulo manteve o mesmo nível fraco na criação. As duas equipes faziam forte marcação e abusavam dos erros. Isso fez com que o jogo perdesse bastante em emoção. O time carioca teve ótima chance na cabeça de Marrony, aos 11, que Volpi fez ótima defesa. A resposta do São Paulo veio com Arboleda, que finalizou duas vezes, mas Henriquez salvou em cima da linha. Reinaldo ainda acertou belo chute aos 37, mas sem alterar o placar.

 

SÃO PAULO - 1

Tiago Volpi; Juanfran, Bruno Alves, Arboleda e Reinaldo; Tchê Tchê (Luan), Dani Alves e Igor Gomes (Liziero); Antony, Pablo e Vitor Bueno. Técnico: Fernando Diniz.

VASCO - 0

Fernando Miguel; Pikachu, Henríquez, Leandro Castán e Henrique; Richard (Felipe Ferreira), Guarín, Raul, Bruno César (Valdivia) e Marcos Júnior (Ribamar); Marrony. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

Gol: Antony, aos 5 minutos do 1º tempo. Árbitro: Savio Pereira Sampaio (DF). Renda: R$ 343.649,00. Público: 11.970 pagantes. Local: Morumbi, em São Paulo, na noite desta quinta-feira, 28.