Santos busca quarta vitória seguidaÍcone de fechar Fechar

BRASILEIRÃO

Santos busca quarta vitória seguida

Luiz Felipe deve substituir Gustavo Henrique, suspenso, na zaga do Peixe


    • São José do Rio Preto
    • máx 32 min 18

Em boa fase no Brasileirão e embalado por uma série de três vitórias consecutivas, o Santos visita o Goiás, neste sábado, às 17h, no Serra Dourada, apostando nos gols do trio de atacantes que conquistou a titularidade e a confiança do técnico Jorge Sampaoli.

A atual sequência de triunfos, a segunda maior do Santos nesta edição do Brasileirão, tem com uma das suas coincidências a presença de Eduardo Sasha, Marinho e Soteldo, juntos, no ataque. E foram deles seis dos sete gols marcados pelo time diante de Bahia, Botafogo e Ceará. Por isso, mesmo que Sampaoli tenha o costume de alterar as escalações, eles deverão ser mantidos no time para o duelo com o Goiás. Para essa decisão, também pesa a regularidade desses atacantes, responsáveis por 23 dos 45 gols marcados pela equipe no Brasileirão.

Entre eles, o principal destaque vem sendo Sasha, com 12 gols marcados em 30 jogos, o que o deixa em terceiro lugar na relação de artilheiros da competição, atrás apenas dos flamenguistas Gabriel e Bruno Henrique.

O trio ofensivo não será alterado, mas o Santos terá, novamente, novidades na escalação para encarar o Goiás. Como Gustavo Henrique foi expulso na vitória de quarta-feira sobre o Avaí, o treinador precisará escolher outro zagueiro para atuar ao lado de Lucas Veríssimo. E o favorito a atuar no Serra Dourada é Luiz Felipe.

Sem um dos pilares do seu sistema defensivo, Sampaoli deve até deixar de lado o seu sistema tático preferido para jogos como visitante. Afinal, em 12 das 16 partidas que fez fora de casa, escalou o Santos com três zagueiros, algo que não deverá repetir em Goiânia, com a adoção do 4-3-3.

O compromisso da 32ª rodada pode ser especial pela possibilidade de o Santos sacramentar, com seis jogos ainda a disputar, o retorno à Libertadores após um ano de ausência. Para isso, porém, precisará contar com uma combinação de resultados que só poderá ser concluída no domingo.

O primeiro passo, claro, é fazer a sua parte e vencer o Goiás no Serra Dourada, onde foi goleado na sua última visita, em 2015, por 4 a 1. Depois, será preciso que o Corinthians não vença o Palmeiras, também neste sábado, no Pacaembu. Já no domingo, a torcida será para o Internacional não superar o Fluminense no Beira-Rio.

Cartola suspenso

O presidente do Santos, José Carlos Peres, foi suspenso por 15 dias, nesta sexta, 8, em julgamento realizado pela 5ª Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por declarações consideradas desrespeitosas contra a arbitragem e ao uso do VAR no Brasileirão.

 

GOIÁS

Tadeu; Breno, Fábio Sanches, Rafael Vaz e Jefferson; Gilberto, Yago Felipe, Léo Sena e Thalles; Michael e Leandro Barcia. Técnico: Ney Franco.

SANTOS

Everson; Pará, Lucas Veríssimo, Luiz Felipe e Jorge; Diego Pituca, Carlos Sánchez e Evandro (Felipe Jonatan); Marinho, Eduardo Sasha e Soteldo. Técnico: Jorge Sampaoli.

Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (RJ). Local: Serra Dourada, em Goiânia-GO, às 17 horas deste sábado, 9, com transmissão ao vivo pelo sistema pay-per-view (pagar-para-ver) da tv por assinatura.